Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/10171
Título: Resistência ao riscamento de revestimentos aplicados pelo processo FCAW
Título(s) alternativo(s): Scretch resistance of coatings applied by fcaw process
Autor(es): Peruchi, Luciano Vensão
Orientador(es): Maranho, Ossimar
Palavras-chave: Revestimentos
Solda e soldagem
Desgaste mecânico
Metais duros
Engenharia mecânica
Coatings
Solder and soldering
Mechanical wear
Britannia metal
Mechanical engineering
Data do documento: 17-Dez-2015
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Curitiba
Referência: PERUCHI, Luciano Vensão. Resistência ao riscamento de revestimentos aplicados pelo processo FCAW. 2015. 52 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Curitiba, 2015.
Resumo: A deposição de revestimentos duros por técnicas de soldagem tem sido amplamente utilizada na indústria para recuperar peças e aumentar sua resistência ao desgaste. Comumente uma liga com características mais nobres do que as do metal de base são utilizadas. Materiais como Ferros com altos teores de Cromo vêm sendo bastante utilizados e são uma solução economicamente interessante quando comparados a outros elementos mais nobres como o Titânio. Estas ligas são propensas à formação de carbonetos, elementos duros na matriz que conferem uma maior resistência ao desgaste abrasivo. Em contrapartida, essa elevada dureza torna o material mais suscetível a trincas. Aplicando-se um pré-aquecimento é possível diminuir a dureza superficial e minimizar este problema. Este trabalho visou a caracterização quanto a resistência ao desgaste do revestimento de uma liga FeCr depositada a temperatura ambiente e com pré-aquecimento de 450ºC em chapas de aço AISI 1045. Para esta caracterização foi utilizada a norma ASTM G171-03 que avalia a resistência ao desgaste abrasivo através do ensaio de riscamento. Com estes ensaios foi possível mostrar que o pré-aquecimento causou uma diminuição da dureza superficial do revestimento e uma consequente diminuição da dureza ao riscamento.
Abstract: The hardfacing deposition by welding techniques has been widely used in industry to recover parts and increase its wear resistance. Commonly an alloy having characteristics more noble than the base metal are used. Materials such as Irons with high Chrome content have been widely used and are an economically interesting solution when compared to other more noble elements such as Titanium. These alloys are predisposed to the formation of carbides, hard elements in the matrix, which confers greater resistance to abrasive wear. In contrast, this high hardness makes the material susceptible to cracking. Applying pre-heating is possible to reduce the hardness and minimize this problem. This study aimed at characterizing the wear resistance of a coating of a Fe-Cr alloy deposited at room temperature and preheated to 450°C in AISI 1045 steel. For this characterization was used the ASTM G171-03 which assesses abrasive wear resistance by scratching test. With these tests it was possible to show that the pre-heating caused a decrease at the surface hardness of the coating and a consequent decrease in hardness scratching of this material.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/10171
Aparece nas coleções:CT - Engenharia Mecânica

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CT_DAMEC_2016_2_13.pdf1,93 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.