Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/1063
Título: Relação entre performance e as 4 fases de confiabilização
Autor(es): Trevisan, Marcos Aurelio
Orientador(es): Rodrigues, Marcelo
Palavras-chave: Indústria automobilística
Manutenção produtiva total
Produção enxuta
Confiabilidade
Produtividade
Automobile industry and trade
Total productive maintenance
Lean manufacturing
Reliability
Productivity
Data do documento: 20-Out-2012
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Curitiba
Referência: TREVISAN, Marcos Aurelio. Relação entre performance e as 4 fases de confiabilização. 2012. 65 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização) – Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Curitiba, 2012.
Resumo: Após muitos anos de estabilidade, o mercado automotivo mundial passa por transformações. Fabricantes tradicionais sofrem crises financeiras em mercados saturados, fabricantes asiáticos ampliam sua participação no mercado, países do BRICS, com mercado potencial passam a fazer parte da estratégia dos principais fabricantes. Para que as empresas consigam permanecer inseridas num mercado como este, significa produzir no menor custo, com a melhor qualidade no menor prazo, ou seja, no mais alto nível de performance. Este nível de performance não é fácil de ser alcançado, precisa dedicação, foco no resultado e muita visão estratégica. Este trabalho visa apresentar a relação entre a performance do meio de produção e a aplicação das quatro fases de confiabilidade em um sistema de manufatura. O Setor de usinagem da empresa do estudo de caso, durante o ano de 2011 passou por algumas turbulências, seus resultados não foram dos melhores em relação aos concorrentes, principalmente devido ao alto custo por interrupções do funcionamento das máquinas. Estas paradas ocasionaram um excesso de horas extras para reposição da produção atrasada, retrabalho em peças em função da falta de qualidade, além de alto custo por manutenção corretiva das máquinas. Como resultado e discussão verificou-se que não existe uma relação direta entre o aumento da disponibilidade total de linhas flexíveis e o resultado de performance.
Abstract: After many years of stability, the global automotive market undergoes transformations. Traditional manufacturers suffer financial crises in saturated markets, Asian manufacturers expand their market share, the BRICS countries, with market potential will become part of the strategy of the leading manufacturers. For companies to be able to remain inserted in a market like this, means producing at the lowest cost with the best quality in the shortest time, i.e. at the highest level of performance. This level of performance is not easily achieved; need dedication, focus on results and a lot of strategic vision. This paper presents the relationship between the performance of the production and application of the four phases of reliability in a manufacturing system. Sector machining company case study, during the year 2011 has gone through some turmoil, its results were not better than those of competitors, mainly due to the high cost of interruptions to the operation of the machines. These shutdowns caused excessive overtime for production late replacement, rework parts due to the lack of quality, and high cost for corrective maintenance of machines. As a result and discussion has been found that there is not a direct relationship between increasing the total availability of flexible lines and results of performance.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/1063
Aparece nas coleções:CT - Gerência de Manutenção

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CT_CEGEM_VIII_2012_07.pdf1,67 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.