Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/10693
Título: A morte da figura feminina enquanto prazer estético sob a perspectiva do gótico, em Berenice, Morella e Ligeia, de Edgar Allan Poe
Título(s) alternativo(s): The death of female figure as aesthetic pleasure under gothic's perspective, in Berenice, Morella and Ligeia, of Edgar Allan Poe
Autor(es): Parzianello, Isabela
Orientador(es): Stankiewicz, Mariese Ribas
Palavras-chave: Contos
Identidade de gênero na literatura
Mulheres na literatura
Literatura comparada
Short stories
Gender identity in literature
Women in literature
Literature, Comparative
Data do documento: 1-Dez-2017
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Pato Branco
Referência: PARZIANELLO, Isabela. A morte da figura feminina enquanto prazer estético sob a perspectiva do gótico, em Berenice, Morella e Ligeia, de Edgar Allan Poe. 2017. 46 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Pato Branco, 2017.
Resumo: Este trabalho de conclusão de curso considera a necessidade de representar a morte feminina das personagens Berenice, Morella e Ligeia, de Edgar Allan Poe, enquanto sublime, reconhecendo-a enquanto expressão artística e problematizando sua banalização em algumas áreas da crítica à arte; o gótico-romântico de Poe é aqui visto como propulsor de uma ruptura à esta cultura conservadora. Os teóricos utilizados para dissertar sobre arte são Arnold Hauser (1984; 1988) e Ersnt Gombrich (2011); já no que se utiliza sobre morte, Christian Riegel (1999) e Philippe Ariès (2012). O gótico-romântico é embasado através de Edmund Burke (1992), Fred Botting (2005; 2014) e Howard Lovecraft (1987), contextualizando com textos de Sigmund Freud (2006) e Tzvetan Todorov (2010) acerca do estranho e o fantástico; as personagens femininas do gótico de Poe foram analisadas através de Ruth Brandão (2006). Com isto, este trabalho busca manifestar a morte como libertadora da figura feminina nas artes, trazendo uma compreensão das manifestações no gótico-romântico.
Abstract: This course conclusion paper considers the necessity of representing female death in Berenice, Morella and Ligeia's characters by Edgar Allan Poe concerning the sublime, by recognizing it as an artistic expression and problematizing its banalization in some art criticism areas; Poe's gothic-romantic is seen as a propeller of rupture of this conservative culture. The theoretical author’s works used to discuss art are Arnold Hauser (1984; 1988) and Ersnt Gombrich (2011); on death, Christian Riegel (1999) and Philippe Ariès (2012). The gothic-romantic is based on Edmund Burke (1992), Fred Botting (2005; 2014) and Howard Lovecraft (1987); The feminine characters of Poe's gothics were analyzed by meaning of the theories of Ruth Brandão (2006). That being said, this study intends to display death as a liberator of the feminine figure in the arts, bringing a better understanding of the displays in the gothic-romantic work.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/10693
Aparece nas coleções:PB - Licenciatura em Letras

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
PB_COLET_2017_2_13.pdf823,25 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.