Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/10838
Título: Estudo da pirólise de polipropileno para produção de óleo
Título(s) alternativo(s): Study of polypropylene pyrolysis to oil production
Autor(es): Crotti, Beatriz Fernanda
Orientador(es): Bineli, Aulus Roberto Romão
Palavras-chave: Pirólise
Polipropileno
Óleos e gorduras
Pyrolysis
Polypropylene
Oils and fats
Data do documento: 26-Nov-2018
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Londrina
Referência: CROTTI, Beatriz Fernanda. Estudo da pirólise de polipropileno para produção de óleo. 2018. 53 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Londrina, 2018.
Resumo: O polipropileno é, hoje, o segundo plástico mais consumido no mundo. Tendo como matéria prima o petróleo é muito versátil para diversas aplicações. Entretanto, por ser originado a partir de uma fonte não renovável, seu uso indiscriminado pode causar grandes impactos negativos ao meio ambiente. Neste contexto, este trabalho envolve uma alternativa para dois problemas: o primeiro relacionado a geração desenfreada de resíduos poliméricos e a consequente destinação incorreta destes pós-consumo; e o segundo relacionado à necessidade de fontes alternativas de combustíveis. Portanto, o objetivo deste trabalho foi adaptar um reator em escala de bancada para realizar a pirólise de amostras de polipropileno pós consumo e reciclado para geração óleo pirolítico a fim de avaliar seu potencial e oferecer uma alternativa de utilização após a reciclagem mecânica comumente utilizada. O procedimento experimental foi conduzido no sistema adaptado contendo um fuso, para alimentação do material no reator tubular, e duas entradas para o gás de arraste, uma no fundo do reator para realizar a ascensão dos gases e outra no alimentador, ambas para direcionar os gases condensáveis até uma coluna de resfriamento. Os experimentos foram realizados nas temperaturas de 500°C e 600°C e com vazões do gás de arraste de 120ml/s e 180ml/s. Como resultado observou-se a geração de um óleo consistente de coloração amarelada e translucida. Além disso, pôde-se constatar que tanto a temperatura quanto a vazão do gás de arraste influenciaram no rendimento do produto obtido, contudo o melhor resultado para as duas amostras foi observado na temperatura de 500°C e vazão de arraste de 120ml/s. Conclui-se assim que o polipropileno de pós-consumo obteve um rendimento maior comparado com o reciclado, 85,25% e 63,27% de rendimento respectivamente. Apesar disso sugere-se a realização de mais estudos afim de compreender melhor a influência dos parâmetros operacionais. Destaca-se que o óleo pirolítico possui potencial tanto de fornecer energia por meio da combustão quanto para converte-los em outros materiais e combustíveis nos mais diversos processos existentes.
Abstract: Polypropylene is today the second most consumed plastic in the world. Having the petroleum as raw material the oil is very versatile for diverse applications. However, as a non-renewable source, its indiscriminate use can cause great negative impacts to the environment. In this context, this work involves an alternative to two problems: the first related to the unrestrained generation of polymeric residues and the consequent incorrect destination of these post-consumption; and the second related to the need for alternative sources of fuel. Therefor, the objective of this work was to adapt a bench scale reactor to perform the pyrolysis of waste polypropylene and recycled for the generation of pyrolytic oil in order to evaluate its potential and to offer an alternative use after the mechanical recycling commonly used. The experimental procedure was conducted in the adapted system containing a spindle, to feed the material in the tubular reactor, and two entrances to the entrainment gas, one in the bottom of the reactor to carry out the rise of gases and another in the feeds, both to direct the gases to a cooling column. The experiments were performed at temperatures of 500°C and 600°C and with creep gas flow rates of 120mL/s and 180mL/s. As a result generation of a yellowish, translucent, consistent oil was observed. In addition, it was observed that both the temperature and the flow rate of the entrainment gas influenced the yield of the product obtained, nut the best result for the two samples was observed at the temperature of 500°C and drag flow of 120mL/s. It is this concluded that the waste polypropylene obtained a higher yield compared to the recycled, 85.25% and 63.27% yield respectively. In spite of this it is suggested to carry out more studies in order to better understand the influence of the operational parameters. It should be noted that pyrolytic oil has the potential both to provide energy through combustion and to convert it into other material and fuel in the most diver processes.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/10838
Aparece nas coleções:LD - Engenharia Ambiental

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
LD_COEAM_2018_2_06.pdf2,37 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.