Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/11537
Título: Tratamento e reutilização do efluente têxtil gerado pelos laboratórios de lavanderia e estamparia, em processo de tingimento têxtil
Título(s) alternativo(s): Treatment and reuse of textile effluents generated by the laundry and printing laboratories in the textile dyeing process
Autor(es): Cruz, Joziel Aparecido da
Orientador(es): Ribeiro, Valquiria Aparecida dos Santos
Palavras-chave: Indústria têxtil
Águas residuais - Purificação
Resíduos industriais
Textile industry
Sewage - Purification
Factory and trade waste
Data do documento: 25-Nov-2015
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Apucarana
Referência: CRUZ, Joziel Aparecido da. Tratamento e reutilização do efluente têxtil gerado pelos laboratórios de lavanderia e estamparia, em processo de tingimento têxtil. 2015. 64 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) — Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Apucarana, 2015.
Resumo: A contaminação ambiental atualmente é um dos maiores problemas da sociedade. Diante disso, as indústrias têm assumido uma nova postura perante as questões ambientais em busca de um desenvolvimento sustentável. Nesse o contexto, o setor têxtil possui um elevado potencial poluidor, visto que essas indústrias apresentam uma alta relação de água consumida por volume de material processado, gerando excessiva quantidade de efluentes, os quais se caracterizam por serem altamente coloridos devido à presença de corantes que não se fixam na fibra durante o processo de tingimento, além de elevada carga orgânica e compostos químicos tóxicos, que não podem ser descartados na rede de esgoto ou em corpos de água, ou simplesmente ser lançados ao solo sem um tratamento adequado para remoção desses agentes contaminantes. Com base nisso, o objetivo desse trabalho foi otimizar as melhores condições a partir de um (Delineamento composto central rotacional DCCR) para o coagulante tanino e outro para o sulfato de alumínio. Posteriormente, o efluente tratado foi reutilizado em processos de tingimento com corante reativo em tecido PT 100% algodão e comparado com o mesmo processo utilizando água, com base em análise visual em cabine de cores. Os principais resultados mostraram que as melhores condições para remoção de cor foram: no tratamento com tanino concentração de 150 mg.L-1 em pH 6,0 e para o sulfato de alumínio concentração de 900 mg.L-1 em pH 10. Para o reuso verificou-se que as principais interferências se deram na utilização de efluente tratado com sulfato de alumínio devido ao residual de metal que permanece no efluente após o tratamento.
Abstract: Currently, environmental contamination is one of the biggest problems with society. Therefore, the industries have taken a new attitude toward environmental issues in pursuit of sustainable development. In this context, the textile sector has a high potential for pollution, whereas this industries feature a high relation of water consumed by volume of processed material. This industry also generates amounts excessive of effluent, that are highly colored due to the presence of dyes that does not fixate on the fiber during the dyeing process, in addition to high organic loading and compounds toxic chemicals. These chemicals can not be discarded in the sewage network or in water bodies, or simply be thrown into the soil without adequate treatment to removal these agents contaminants. This search aims optimize better terms for planning factorial, the execution of treatment chemical physical of textile effluents, using Tanino (organic coagulant) singly, like coagulant, flocculant and/or complement. Subsequently, the treated effluent will be reused in dyeing processes, with dye reactive in fabric PT 100% cotton and compared with the same process using water with base in tests of quality of textile articles. The main results showed that the best conditions for color removal were in treatment with tannin concentration of 150 mg l-1 at pH 6.0 and aluminum sulphate concentration of 900 mg l-1 at pH 10. reuse it was found that the main interference given to the use of the effluent treated with aluminum sulphate because of residual metal remaining in the effluent after treatment.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/11537
Aparece nas coleções:AP - Engenharia Têxtil

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
AP_COENT_2015_2_02.pdf2,69 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.