Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/11960
Título: Práticas e conhecimentos de estudantes da formação docente em relação ao consumo de chás
Título(s) alternativo(s): Practices and knowledge of students in teacher education in relation to the consumption of teas
Autor(es): Ferreira, Priscila Aparecida
Orientador(es): Fujii, Rosangela Araujo Xavier
Palavras-chave: Biologia - Estudo e ensino
Professores - Formação
Plantas medicinais
Biology - Study and teaching
Teachers, Training of
Medicinal plants
Data do documento: 19-Jun-2019
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Santa Helena
Referência: FERREIRA, Priscila Aparecida. Práticas e conhecimentos de estudantes da formação docente em relação ao consumo de chás. 2019. 33 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Santa Helena, 2019.
Resumo: O presente estudo direcionou-se à uma investigação sobre a utilização de plantas medicinais e consumo de chás entre um grupo de estudantes da Educação Básica de Ensino de uma escola pública do município de Santa Helena/PR. Os dados foram construídos a partir de um questionário estruturado contendo perguntas relacionadas ao perfil dos participantes da investigação, ao uso de plantas medicinais e ao consumo de chás. Os dados foram analisados segundo os pressupostos teóricos e metodológicos da Análise de Conteúdo. A pesquisa revelou que 100% dos alunos afirmam utilizar plantas medicinais, sendo o chá, a forma de uso mais mencionada por eles. Dentre as plantas mais citadas, estão: o boldo, a camomila, a cidreira, a macela, a hortelã e o guaco, sendo essas utilizadas para o tratamento de doenças, efeitos calmantes, para o alívio de dores específicas, resfriados e até mesmo para substituir outras bebidas. No que tange a aquisição das plantas medicinais para o consumo foi citado pelos alunos: coleta no quintal de suas próprias residências, no quintal da casa de parentes, vizinhos ou compram diretamente nos mercados do município. Em relação à trajetória escolar, muitos alunos relataram que nunca tiveram contato com a temática “plantas medicinais” e os que afirmam ter, relatam que a abordagem foi superficial, ressaltando que o assunto em questão é um tema muito importante. Quanto à viabilidade de se trabalhar a temática junto aos estudantes da Educação Básica de Ensino, todos os participantes destacaram a relevância do conteúdo para o currículo escolar. De forma geral o estudo revelou que, os participantes da investigação configuram-se como usuários de plantas medicinais como opção de tratamento para a saúde, embora, nunca tenham estudado sobre o assunto. Diante deste fato, enfatiza-se a necessidade de oficinas e palestras de modo a divulgar os conhecimentos relacionados às plantas medicinais, suas formas de utilização e formas de uso indiscriminado e inadequado.
Abstract: The present study was directed to an investigation about the use of medicinal plants and consumption of teas among a group of students, of Basic Education of Teaching, of a public school of the municipality of Santa Helena/PR. The data were constructed from a structured questionnaire containing questions related to the profile of the research participants, the use of medicinal plants and the consumption of teas. The data were analyzed according to the theoretical and methodological assumptions of Content Analysis. The survey revealed that 100% of students claim to use medicinal plants, with tea being the most mentioned form of use. Among the most cited plants are: boldo, chamomile, lemon balm, mint, mint and guaco, these being used for the treatment of diseases, calming effects, for the relief of specific pains, colds and even for replace other drinks. Regarding the acquisition of medicinal plants for consumption was cited by students: collection in the backyard of their own homes, in the backyard of the house of relatives, neighbors or buy directly in the markets of the municipality. In relation to the school trajectory, many students reported that they had never had contact with the theme "medicinal plants" and those who claim to have reported that the approach was superficial, emphasizing that the issue in question is a very important issue. As for the feasibility of working on the subject with students of Basic Education, all participants highlighted the relevance of content to the school curriculum. In general, the study revealed that the participants of the research are configured as users of medicinal plants as a treatment option for health, although they have never studied the subject. Faced with this fact, the need for workshops and lectures and to disseminate knowledge related to medicinal plants, their forms of use and forms of indiscriminate and inappropriate use are highlighted.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/11960
Aparece nas coleções:SH - Licenciatura em Ciências Biológicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
SH_COBIO_2019_1_01.pdf
  Disponível a partir de 2019-12-19
872,95 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir Solicitar uma cópia


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.