Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/12897
Título: Riscos à saúde e segurança do trabalho de coveiros e auxiliares em dois cemitérios municipais de Curitiba-PR
Título(s) alternativo(s): Gravedigger: health and safety of work in two municipal cemeteries of Curitiba-PR
Autor(es): Silva, Wallison Maicon da
Orientador(es): Matoski, Adalberto
Palavras-chave: Cemitérios
Coveiros
Avaliação de riscos
Equipamento de proteção individual
Cemeteries
Gravediggers
Risk assessment
Personal protective equipment
Data do documento: 25-Mai-2019
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Curitiba
Referência: SILVA, Wallison Maicon da. Riscos à saúde e segurança do trabalho de coveiros e auxiliares em dois cemitérios municipais de Curitiba-PR. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização em Engenharia de Segurança do Trabalho) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Curitiba, 2019.
Resumo: O estudo tem como objetivo principal identificar os riscos ocupacionais inerentes a profissão de coveiro. A metodologia utilizada foi entrevista com os profissionais, na qual o questionário é dividido em grupos: caracterização; profissão; saúde e segurança e; higiene pessoal. Além disso, realizou-se visitas in loco para observações e registros fotográficos dos ambientes e das atividades sendo realizadas. Foram entrevistadas 19 pessoas de dois cemitérios municipais de Curitiba, entre coveiros e auxiliares, todos do sexo masculino com idade média de 46 anos. Mais da metade dos entrevistados possuem entre 15 e 30 anos de experiência e afirmaram terem sofrido acidente de trabalho ou desenvolvido alguma doença ocupacional, os principais apontados foram: cortes e/ou lacerações; dorsalgia e; quedas em altura. Em relação à segurança, os EPIs mais utilizados pelos trabalhadores são: luvas; máscaras e; botas ou botinas de segurança. Porém, devido algumas atividades serem pesadas e executadas a céu aberto estes profissionais estão expostos a vários riscos e, as principais causas encontradas foram: levantamento e transporte manual de peso; postura inadequada; queda de mesmo nível ou níveis diferentes; ferramentas improvisadas ou defeituosas e; exposição à radiação não ionizante. O risco mais perigoso é dos agentes biológicos, devido ao contato direto com cadáver para realizar a exumação. Buscando melhorar a qualidade de vida desses profissionais, foi proposto o uso regular dos EPIs: vestimentas de segurança; botas; máscaras; boné com proteção e; protetor solar. Além da substituição das luvas de borracha reutilizadas por descartáveis. Recomendou-se ainda, paradas curtas para descanso, reidratação e/ou alongamento durante a jornada de trabalho, bem como treinamentos de higiene pessoal e do uso correto dos equipamentos de proteção visando a saúde, bem-estar e segurança dos profissionais.
Abstract: The study has the main objective to identify the inherent occupational risks of the gravedigger profession. The utilized methodology was interview with professionals; which survey questionnaire were divided in groups: characterization; profession; health and safety; and personal hygiene. Furthermore, were realized in loco visits, to make observations and to registry in pictures the ambient and the activities being executed. There were interviewed 19 people from two municipal cemeteries of Curitiba, among gravediggers and assistants, all males with the average age of 46 years old. More than a half of the interviewed had between 15 and 30 years of experience and alleged have had labor accidents or developed some occupational disease, the more often mentioned were: cuts and/or lacerations; backache, and falls from height. In relation to safety, the most utilized Individual Protection Equipment (IPE) by the workers are gloves; masks; boots or safety boots. However, due some activities being heavy and executed at open air, these professionals are exposed to various risks, and the main causes found were: manual lifting and carrying of weights; inappropriate posture, falls from the same or different heights, improvised or faulty tools; and exposure to non-ionizing radiation. The most dangerous risk comes from biological agents, caused by the direct contact with corpses when realized the exhumation. Looking to improve the life quality of these professionals, were proposed the regular use of the IPE’s: safety vestments; boots; masks; cap with protection; and sunscreen. Besides the substitution of the reutilized rubber gloves for disposables ones. In addition, were recommended, quick breaks to rest, rehydrated and/or stretching, during the work journeys, as well as the training to personal hygiene and the correct use of the protection equipment’s, seeking for the health, welfare and safety of the professionals.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/12897
Aparece nas coleções:CT - Engenharia de Segurança do Trabalho

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CT_CEEST_XXXVII_2019_42.pdf4,04 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.