Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/13013
Título: Associação de Beauveria bassiana e do óleo essencial de Pogostemon cablin para o controle de Atta sexdens
Título(s) alternativo(s): Association of Beauveria bassiana and essential oil of Pogostemon cablin for the control of atta sexdens
Autor(es): Ricardo, Adriana da Silva
Orientador(es): Potrich, Michele
Palavras-chave: Formiga-cortadeira
Fungos entomopatogênicos
Essências e óleos essenciais
Leaf-cutting ants
Entomopathogenic fungi
Essences and essential oils
Data do documento: 17-Mai-2019
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Dois Vizinhos
Referência: RICARDO, Adriana da Silva. Associação de Beauveria bassiana e do óleo essencial de Pogostemon cablin para o controle de atta sexdens. 2019. 27 f. Trabalho de Conclusão do Curso (Graduação) – Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Dois Vizinhos, 2019.
Resumo: O uso de métodos alternativos para o controle de formigas cortadeiras é uma opção viável para diminuir o uso de inseticidas químicos que podem ocasionar danos ao ambiente. Portanto, o presente trabalho objetivou avaliar a associação de Beauveria bassiana (Bals). Vuill e do óleo essencial de Pogostemon cablin Benth para o controle de operárias de Atta sexdens L. Foram testados os seguintes tratamentos: 1- Água destilada esterilizada; 2- Água destilada esterilizada + Tween 80® (0,01%); 3- Óleo essencial de P. cablin (patchouli) a 1%; 4- Fungo B. bassiana utilizado na concentração de 2,5×108 conídios.mL-1; e 5- Associação de B. bassiana (2,5×108 conídios.mL-1) e óleo essencial de P. cablin a 1%. Os bioensaios consistiram na pulverização de 750 µL de cada tratamento sobre grupos de 15 operárias de A. sexdens com auxílio de um aerógrafo Pneumatic Sagyma® acoplado a uma bomba Tecnal® (pressão constante de 1,2 kgF/cm2). As formigas foram alocadas em caixa poliestireno do tipo gerbox (11 11 3,5 cm), juntamente com dieta sólida e foram acondicionadas em câmara climatizada (26 ± 2 ºC, U.R. de 60 ± 10% e fotofase de 12 horas) durante todo o período de avaliação, que ocorreu a cada 24 horas, por 10 dias. O isolado IBCB 66 de B. bassiana e o óleo essencial de P. cablin não apresentaram potencial inseticida para o controle de A. sexdens quando testados isoladamente, por causarem taxa de mortalidade de 21,67% e 43,33%, respectivamente. E a associação destes dois tratamentos provocou 66,67% de mortalidade em operárias de A. sexdens. Portanto a associação do isolado IBCB 66 de B. bassiana e o óleo essencial de P. cablin, foi considerada significativa para o controle de operárias de A. sexdens em condições de laboratório.
Abstract: The use of alternative methods for the control of leaf-cutting ants can become a viable option to reduce the use of chemical insecticides that can cause ecological damage to the environment. Therefore, the present study aimed to evaluate the association of Beauveria bassiana (Bals). Vuill and the essential oil of Pogostemon cablin Benth for the control of Atta sexdens L. The following treatments were be tested: 1- Sterilized distilled water; 2- Sterilized distilled water + Tween® 80 (0.01%); 3- Essential oil of P. cablin (patchouli) a 1%; 4- fungus B. bassiana used in the concentration of 2,5 108 conidia.mL-1; and 5- Association of B. bassiana (2,5 108 conídios.mL-1) and essential oil of P. cablin a 1%.The bioassays consisted of the spraying of 750 µl of each treatment on groups of 15 factory workers of A. sexdens using a Pneumatic Sagyma® airbrush coupled to a Tecnal® pump (constant pressure of 1,2 kgF/cm2). After the ants were allocated in polystyrene box of the gerbox type (11 × 11 × 3,5 cm), along with solid diet and were conditioned in an air-conditioned room (26 ± 2 ºC, U.R. de 60 ± 10% e fotofase de 12 horas) throughout the evaluation period, which occurred every 24 hours, for 10 days. The isolate IBCB 66 of B. bassiana and the essential oil P. cablin showed no insecticidal potential for the control of A. sexdens when tested in isolation, they cause a mortality rate of 21.67% and 43.33%, respectively. And the association of these two treatments caused 66.67% of mortality in factory workers of A. sexdens. Therefore the association of the isolate IBCB 66 of B. bassiana and the essential oil P. cablin, was considered significant for the control of A. sexdens workers under laboratory conditions.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/13013
Aparece nas coleções:DV - Engenharia Florestal

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DV_COENF_2019_1_01.pdf898,64 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.