Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/13140
Título: Avaliação preliminar de tecnologias de restauração florestal no sul do Brasil: restauração passiva, nucleação e plantio em linhas
Título(s) alternativo(s): Preliminary assessment of forest restoration technologies in southern Brazil: passive restoration, nucleation and plantation
Autor(es): Trentin, Bruna Elisa
Orientador(es): Bechara, Fernando Campanhã
Palavras-chave: Reflorestamento
Biodiversidade florestal
Ecologia florestal
Reforestation
Forest biodiversity conservation
Forest ecology
Data do documento: 25-Nov-2015
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Dois Vizinhos
Referência: TRENTIN, Bruna Elisa. Avaliação preliminar de tecnologias de restauração florestal no sul do brasil: restauração passiva, nucleação e plantio em linhas. 2015. 78 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Dois Vizinhos, 2015.
Resumo: A ação antrópica possui um efeito desestabilizador sobre os ecossistemas, perturbando sua dinâmica natural, temos assim um aumento de áreas degradadas e de paisagens fragmentadas, reduzindo a biodiversidade e apresentando um risco à extinção de espécies. A recuperação destas áreas através de reflorestamento e outras técnicas de restauração torna-se então muito importante para o reestabelecimento destes ecossistemas. O objetivo deste trabalho foi realizar um monitoramento da vegetação de uma área em restauração através de três diferentes tratamentos. A área de pesquisa possui 7,2ha e está situada na Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Câmpus Dois Vizinhos. Em 20/10/2010, a área experimental, antes utilizada com culturas anuais e pastagens, foi roçada e a implantação dos tratamentos foi iniciada. O experimento foi delineado através de 12 parcelas distribuídas em quatro blocos casualizados com três tratamentos. O primeiro tratamento trata-se da regeneração natural através da restauração passiva. O segundo consistiu na utilização de um conjunto de técnicas de nucleação. Já o terceiro tratamento constituiu no plantio de mudas, sob espaçamento 3x2m, através de linhas de preenchimento e diversidade. Para fins de amostragem, cada parcela foi dividida em 24 subparcelas. Para a avaliação da presença de plantas, após 2 anos e 8 meses da implantação dos tratamentos foram realizados levantamentos em três subparcelas aleatórias para cada parcela, onde foram identificados e quantificados todos os indivíduos maiores que 50 cm de altura. Através da comparação entre os indivíduos plantados e regenerantes dos três tratamentos, a técnica de plantio apresentou a maior diversidade de Shannon (2,290), e foi estatisticamente diferente dos demais tratamentos. Considerando-se apenas os indivíduos regenerantes, o tratamento que apresentou maior diversidade de Shannon foi a restauração passiva (1,722). Quando considerados os indivíduos plantados e regenerantes e também os regenerantes, os tratamentos mais similares, foram a restauração passiva e a nucleação, que obtiveram o maior índice de similaridade de Jaccard. O plantio apresentou grande diversidade se considerados os indivíduos plantados, porém esta técnica até então não apresentou a facilitação da regeneração de espécies em seu sub-bosque devido às operações de manutenção, sendo esperado a maior regeneração em idades futuras. A nucleação apresentou a mesma diversidade da restauração passiva, sendo que esta técnica permitiu e facilitou a regeneração de espécies comparada com o plantio. A restauração passiva apresentou grande eficiência, sendo esta técnica a mais adequada para esta área, devido à sua eficiência muito similar a nucleação e com custos muito baixos, indicando que a área de estudo possui elevada capacidade de resiliência. Recomenda-se o diagnóstico da área a ser restaurada antes da escolha da técnica de restauração a ser utilizada, podendo assim evitar custos e interferências nos rumos sucessionais quando estes são desnecessários.
Abstract: Human activities have a destabilizing effect on ecosystems, disrupting its natural dynamics, so there is an increase of degraded areas and fragmented landscapes, reducing biodiversity and presenting risk of extinction of species. Forest recovery of these areas through reforestation and other restoration techniques becomes very important for the reestablishment of these ecosystems. The goal of this work was to monitor the vegetation of an area in restoration through three different treatments. The site has 7.2ha and is located in the Universidade Tecnológica Federal do Paraná – Dois Vizinhos. On 10/20/2010, the experimental area, before used with annual crops and pastures, was mowed and the implementation of the treatments started. The experiment was designed through 12 plots distributed in four random blocks with three treatments. The first treatment is the natural regeneration through passive restoration. The second consisted of using a set of nucleation techniques. The third treatment consisted in planting seedlings spaced in 3x2m, through filling and diversity plantation lines. For sampling purposes, each plot was divided in 24 subplots. To evaluate the presence of plants, after 2 years and 8 months of implementation of the treatments, surveys were conducted in three random subplots on each plot, where all the individuals higher than 50cm of height were identified and quantified. By comparing planted individuals and regenerating in the three treatments, the plantation technique had the highest diversity of Shannon (2,290), and was statistically different from the other two treatments. Considering only the regenerating individuals, the treatment with the highest diversity of Shannon was passive restoration (1,722). The most similar treatments when considering the planted individuals and regenerating, and only regenerating, were the passive restoration and nucleation, who obtained the highest Jaccard similarity index. Plantation showed the highest diversity, if considered the planted individuals, but this technique so far didn’t show the facilitation of species regeneration in its understory, due to maintenance techniques; it is expected an increasing in regeneration in future ages. The nucleation had the same diversity of passive restoration, whereas this technique allowed and facilitated species regeneration compared to plantation. Passive restoration showed great efficiency, which is the most suitable technique for this area due to its very similar efficiency compared to nucleation and the advantage of very low costs, indicating that the studied area has high resilience. It is recommend the diagnosis of the area to be restored before choosing the restoration technique to be used, thus being able to avoid costs and interference in the succession trajectory when it is not needed.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/13140
Aparece nas coleções:DV - Engenharia Florestal

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DV_COENF_2015_2_06.pdf3,99 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.