Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/1407
Título: Avaliação hidroquímica dos sistemas Aquíferos Guarani e Serra Geral nos municípios de Cambé, Ibiporã, Londrina e Tamarama
Autor(es): Dutra, Caroline
Orientador(es): Santos, Maurício Moreira dos
Palavras-chave: Química da água
Aquíferos
Águas subterrâneas
Water chemistry
Aquifers
Groundwater
Data do documento: 10-Set-2013
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Londrina
Referência: DUTRA, Caroline. Avaliação hidroquímica dos sistemas Aquíferos Guarani e Serra Geral nos municípios de Cambe, Ibiporã, Londrina e Tamarana. 2013. 64 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Londrina, 2013.
Resumo: As águas subterrâneas geralmente apresentam boa qualidade por serem naturalmente filtradas pela porosidade das formações geológicas, assim, através de seu caminho, podem atingir zonas saturadas do subsolo e serem armazenadas em aquíferos. Como a água é uma substância muito reativa, ao infiltrar no meio poroso, solubiliza constituintes presentes nas formações geológicas, por isso as águas subterrâneas são frequentemente, consideradas ricas em sais minerais. Dentre outras vantagens, como a boa disponibilidade, a utilização das águas subterrâneas é uma importante alternativa ao saneamento e suprimento de demandas por águas para o abastecimento. Em Londrina e para os municípios que compõem a sua região metropolitana, predomina-se a captação das águas subterrâneas do Sistema Aquífero Serra Geral (SASG), seguido pelo Sistema Aquífero Guarani (SAG), o qual se encontra confinado em tal área. Dessa forma, a fim de se conhecer o padrão hidroquímico relacionado aos compostos iônicos dissolvidos nos sistemas aquíferos que abastecem os municípios de Cambé, Ibiporã, Londrina e Tamarana, criou-se um banco de dados sobre poços tubulares utilizados para suprir a demanda de água na área de estudo. A partir das informações coletadas, elaboraram-se os diagramas de Piper e Stiff, os quais permitem a classificação hidroquímica da água. De acordo com os resultados, as águas subterrâneas, de maneira geral, se distribuem nas classes das bicarbonatadas cálcicas/magnesianas, característica do SASG e bicarbonatadas sódicas, característica do SAG. Entretanto, verificou-se que na área de estudo, algumas águas de poços do SAG tinham características hidroquímicas de águas do SASG e vice-versa, fato que pode apontar a interconexão de aquíferos nas localidades decorrentes. Ao realizar análise espacial sobre a concentração dos compostos iônicos que se apresentaram predominantes nas análises, verificou-se que no SAG, os teores de sódio e alcalinidade total aumentaram de sul para norte e de oeste para leste, onde há maior nível de confinamento, o que é proporcional à dissolução e trocas iônicas ocorridas no aquífero.
Abstract: The groundwaters generally present good quality because it is naturally filtered by the porosity of the geological formations. It can reach the subsoil saturated zones and be stored in aquifers. As water is a very reactive substance, while infiltrating the soil it can dissolve constituents that are presented in geological formations, thus, groundwater are often considered rich in minerals. Among other advantages, such as good availability, the use of groundwater is an important alternative to sanitation and water supply demands. In the city of Londrina – PR and its metropolitan area, it is predominated the uptake of groundwater from the Serra Geral Aquifer System (SGAS), followed by the Guarani Aquifer System (GAS), which is confined in the area. In order to determine the hydrochemical pattern related to the ionic compounds dissolved in the groundwater that supply the municipalities of Cambé, Ibiporã, Londrina and Tamarana, a database of wells which capture water from the SGAS and GAS, used to supply water for those municipalities, was created. From the information obtained, it elaborated Piper and Stiff Diagrams, which allow the hydrochemical classification of water. It was found that in the study area, the waters are divided into classes ofcalcic/magnesian bicarbonate, characteristic of SGAS waters and sodic bicarbonate characteristic of GAS water. It was verified that in the study area, waters from wells of GAS presented characteristics from SGAS waters and also the contrary, which may point interconnection of aquifers in the resulting localities. After performing spatial analysis on the concentration of ionic compounds that were predominant in the analysis, it was found that sodium concentration and total alkalinity increased from South to North and from East to West, where there is a higher level of containment, which is proportional to the dissolution and ion exchange occurring in the aquifer.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/1407
Aparece nas coleções:LD - Engenharia Ambiental

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
LD_COEAM_2013_1_04.pdf1,11 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.