Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/1543
Título: Transtornos traumáticos cumulativos em operadores de caixas bancários
Autor(es): Monticelli, José Antonio
Orientador(es): Catai, Rodrigo Eduardo
Palavras-chave: Doenças profissionais
Lesões por esforços repetitivos
Bancários
Occupational diseases
Overuse injuries
Bank employees
Data do documento: 18-Dez-2012
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Curitiba
Referência: MONTICELLI, José Antonio. Transtornos traumáticos cumulativos em operadores de caixas bancários. 2013. 93 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização) – Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Curitiba, 2013.
Resumo: Esta pesquisa apresenta uma abordagem sócio-ocupacional de um dos transtornos físicos a que estão sujeitos os operadores de caixas bancários devido às suas atividades ocupacionais serem, de forma geral, repetitivas – LER / DORT e/ou sua nova denominação Transtornos Traumáticos Cumulativos (TTC). Discute conceitos de gestão na operação bancária, bem como a relação existente entre os diferentes órgãos que tem a responsabilidade de zelar pela segurança e saúde do trabalhador bancário, ou seja: FENABAN (empregador), Sindicato dos Bancários (empregados) e MPS / INSS (aposentadoria decorrente do transtorno). Complementando com uma análise dos dados estatísticos das ocorrências de LER/DORT-TTC compartilhando e cruzando as informações fornecidas pelos órgãos responsáveis (acima citados) e os benefícios já alcançados e os ainda por o serem. Trás como resultado do estudo um panorama real desta categoria social ocupacional, sujeita a uma das enfermidades mais recorrentes e de que o que foi feito até o momento foi insuficiente para a solução e/ou minimização dessas ocorrências em nível Brasil. E que a solução da terceirização de alguns serviços que se faziam nas agências bancárias nos correspondentes (Lotéricas, Correios, Farmácias, etc.) serviram apenas para terceirizar a ocorrência desta doença em pessoas NÃO bancárias, mas, assim mesmo, PESSOAS.
Abstract: This research presents an approach of a socio-occupational physical disorders that are subject operators tellers due to their occupational activities are, in general, repetitive - RSI / WMSD and / or its new name Cumulative Trauma Disorders (TTC). Discusses management concepts in banking, as well as the relationship between the different agencies that have the responsibility of ensuring the safety and health of workers banking, ie: FENABAN (employer), Bank Workers (employees) and MPS / INSS (retirement due to the disorder). Complemented by an analysis of statistical data of occurrences of RSI / WMSD TTC-sharing and crossing the information provided by the responsible agencies (cited above) and the benefits already achieved and those yet to be the. Back as a result of the study a true picture of this amazing social occupational category, subject to one of the most recurrent illnesses and what has been done so far was insufficient for the solution and / or minimize these occurrences level in Brazil. And the solution of outsourcing some services that were made in the corresponding bank branches (Lottery, post office, pharmacy, etc.) Only served to outsource the occurrence of this disease in people NOT-bank, but, anyway, PEOPLE.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/1543
Aparece nas coleções:CT - Engenharia de Segurança do Trabalho

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CT_CEEST_XXV_2013_20.pdf6,49 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.