Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/16666
Título: Jogos didáticos e indisciplina: inter-relações e viabilidades no processo de ensino e aprendizagem de ciências e biologia
Título(s) alternativo(s): Didactic games and indiscipline: interrelationships and viability in the process of teaching and learning science and biology
Autor(es): Souza, Daniel Henrique Mendes de
Orientador(es): Fujii, Rosangela Araujo Xavier
Palavras-chave: Jogos educativos
Disciplina escolar
Ciência - Estudo e ensino
Educational games
School discipline
Science - Study and teaching
Data do documento: 11-Nov-2019
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Santa Helena
Referência: SOUZA, Daniel Henrique Mendes de. Jogos didáticos e indisciplina: inter-relações e viabilidades no processo de ensino e aprendizagem de ciências e biologia. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Ciências Biológicas) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Santa Helena, 2019.
Resumo: Frente ao desinteresse e indisciplina escolar, o ensino da atualidade requer dos professores o emprego de metodologias e recursos diferenciados, que rompam aos antigos paradigmas tradicionais. Concebe-se, que a indisciplina escolar configura-se como um dos principais fatores que dificultam a atuação docente em sala de aula e a aprendizagem estudantil. Documentos e autores educacionais sugerem a utilização de diferentes recursos, modalidades e metodologias de ensino, de modo que desafiem o aluno e o coloquem como protagonista do processo de ensino e aprendizagem. Neste viés, os jogos didáticos são defendidos como uma alternativa para lidar com questões indisciplinares e efetivar o processo de ensino. Deste modo o trabalho aqui presente, objetivou investigar a concepção de discentes do curso de Licenciatura em Ciências Biológicas da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) Câmpus Santa Helena, sobre a utilização dos jogos didáticos em sala de aula, como maneira de lidar com a indisciplina bem como na organização do processo de ensino. Para isso, realizou-se a aplicação de um questionário estruturado, com questões optativas e descritivas. Sequencialmente, as questões foram analisadas, e classificadas, segundo os pressupostos teóricos e metodológicos da Análise de Conteúdo. Constatou-se que a maioria dos participantes da investigação, utilizou recursos e metodologias diversas durante sua atuação em sala de aula no estágio de regência, dentre eles os jogos didáticos. Dos acadêmicos que afirmaram ter feito uso de jogos didáticos a maioria afirmou a obtenção de resultados positivos quanto a indisciplina dos alunos, pois demonstraram-se mais participativos e compreenderam melhor os conteúdos abordados nas aulas de Ciência e/ou Biologia. Compreende-se que a utilização de jogos no ensino, caracteriza-se como um excelente recurso para trabalhar com questões indisciplinares. Apesar de algumas dificuldades encontradas na aplicação, os jogos constituem-se como dinâmicos e entusiasmantes ao aluno, tornando-o ativo no ensino e assegurando a aprendizagem.
Abstract: Faced with disinterest and indiscipline at school, today's teaching requires teachers to employ different methodologies and resources that break with the old traditional paradigms. It is conceived that school indiscipline is one of the main factors that hinder the teaching performance in the classroom and student learning. Educational documents and authors suggest the use of different teaching resources, modalities and methodologies, so as to challenge students and place them as protagonists of the teaching and learning process. In this bias, the didactic games are defended as an alternative to deal with undisciplinary issues and to effect the teaching process. Thus, the present work aimed to investigate the conception of students of the Degree in Biological Sciences of the Federal Technological University of Paraná (UTFPR) Santa Helena campus, on the use of didactic games in the classroom, as a way to deal with discipline and effectively perform the teaching process. For this, we applied a structured questionnaire with optional and descriptive questions. Sequentially, the questions were analyzed and classified according to the theoretical and methodological assumptions of Content Analysis. It was found that the majority of the research participants used various resources and methodologies during their performance in the classroom at the conducting stage, including didactic games. Of the academics who claimed to have made use of didactic games, the majority affirmed the achievement of positive results regarding the students' indiscipline, as they were more participative and better understood the contents approached in Science and / or Biology classes. It is understood that the use of games in teaching is characterized as an excellent resource for working with undisciplinary issues. Despite some difficulties encountered in the application, games are dynamic and exciting for the student, making them active in teaching and ensuring learning.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/16666
Aparece nas coleções:SH - Licenciatura em Ciências Biológicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
SH_COBIO_2019_2_06.pdf
  Disponível a partir de 2020-11-11
1,53 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir Solicitar uma cópia


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.