Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/237
Título: Influência do aditivo modificador de viscosidade e do fíler calcário no comportamento de pastas e argamassas de concreto auto-adensável
Autor(es): Fiorentin, Thais Regina
Orientador(es): Luz, Caroline Angulski da
Palavras-chave: Concreto auto-compactável
Calcário
Concreto - Aditivos
Argamassa
Self-consolidating concrete
Limestone
Concrete - Additives
Mortar
Data do documento: 2011
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Pato Branco
Referência: FIORENTIN, Thais Regina. Influência do aditivo modificador de viscosidade e do fíler calcário no comportamento de pastas e argamassas de concreto auto-adensável. 2011. 66 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Pato Branco, 2011.
Resumo: O concreto auto-adensável (CAA) foi uma das grandes descobertas em tecnologia de concretos das últimas décadas. Para ser considerado auto-adensável, três propriedades devem ser alcançadas, simultaneamente: fluidez, coesão e resistência à segregação. O CAA pode ser moldado de diversas formas, elimina defeitos por falha de concretagem, já que tem grande capacidade de fluir entre as armaduras sem segregar-se e dispensa o adensamento por vibração externa, o que reduz a mão-de-obra e acelera a construção. No entanto, devido à alta fluidez, efeitos indesejáveis como a segregação do agregado graúdo e a exsudação da água da mistura ocorrem com maior facilidade. Esses efeitos podem ser controlados com a utilização de aditivos modificadores de viscosidade ou adições minerais, como o fíler calcário. O presente trabalho irá avaliar de forma comparativa a eficiência do fíler calcário e do aditivo modificador de viscosidade no controle da segregação e exsudação de pastas e argamassas de concreto auto-adensável. Inicialmente, realizou-se um levantamento bibliográfico sobre o histórico, principais propriedades e características, vantagens e desvantagens, materiais constituintes e ensaios realizados em concreto auto-adensável. O método de trabalho foi dividido em três etapas, na primeira fez-se a caracterização dos materiais utilizados nessa pesquisa, na segunda foram realizados ensaios de espalhamento (mini-slump) e escoamento (Cone de Marsh) em pastas, para determinação do ponto de saturação do aditivo superplastificante e para avaliação da influência do fíler calcário e do aditivo modificador de viscosidade no espalhamento e escoamento das pastas. Na terceira etapa, foram realizados ensaios em argamassas para determinação da influência do fíler calcário e do aditivo modificador de viscosidade no espalhamento e no desenvolvimento de resistência mecânica. Observou-se que tanto o fíler calcário quanto o modificador de viscosidade controlaram a exsudação e a segregação das pastas e das argamassas, no entanto o aditivo modificador de viscosidade causou incorporação de ar nas argamassas, diminuindo a resistência mecânica das mesmas. Por outro lado, o fíler calcário melhorou o empacotamento dos grãos, resultando em um aumento da resistência mecânica. Além disso, o fíler calcário resultou em pastas mais homogêneas e coesas. Com relação aos custos, as argamassas com adição de fíler calcário apresentam o mesmo valor (em R$/m³) que argamassas com aditivo modificador de viscosidade.
Abstract: The concrete self-compacting (CAA) was one of the greatest discoveries in concrete technology in recent decades. To be considered self-compacting, three properties must be achieved simultaneously: fluidity, cohesion and segregation resistance. The CAA can be shaped in various ways, eliminates defects caused by failure of concrete, as it has great ability to flow between the steel without segregation themselves by releasing the external vibration compaction, which reduces the manpower and accelerates construction. However, due to the high fluidity, undesirable effects such as segregation of coarse aggregate and water mixture can occur more easily. These effects can be controlled with the use of viscosity modifying admixture or mineral admixtures, such as limestone fillers. This study will evaluate comparatively the effectiveness of limestone fillers and viscosity modifying admixture in control of segregation and exudation of folders and mortar concrete self- compacting. Initially, there was a literature on the history, main properties and characteristics, advantages and disadvantages, constituent materials and concrete tests on self-compacting. The method of work was divided into three stages, first was made the characterization of materials used in this study, in the second step, tests were carried out scattering (mini-slump) and runoff (Marsh cone) into folders to determine the point of superplasticizer saturation and to assess the influence of limestone filler and viscosity modifying admixture in scattering and runoff of folders. In the third step, tests were carried out in mortars to determine the influence of limestone filler and viscosity modifying admixture in the spread and development of mechanical strength. It was observed that both the limestone fillers as the viscosity modifying admixture controlled exudation and segregation of the folders and mortar, however, the viscosity modifier additive caused incorporation of air in mortar, reducing the mechanical strength thereof. On the other hand, the limestone fillers improved the packaging of the grains, resulting in increased mechanical strength. In addition, the limestone fillers resulted in more homogeneous and cohesive pastes. With respect to costs, the mortar with the addition of limestone fillers have the same value (in R$/m³) that mortars with additive viscosity modifier.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/237
Aparece nas coleções:PB - Engenharia Civil

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
PB_COECI_2011_2_03.pdf1,64 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.