Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/3532
Título: Análise dos níveis de calor nos postos de trabalho de uma lavanderia industrial
Autor(es): Fonseca, Juliana Basso da
Orientador(es): Hara, Massayuki Mário
Palavras-chave: Ambiente de trabalho - Temperatura
Segurança do trabalho
Acidentes de trabalho - Medidas de segurança
Work environment - Temperature
Industrial safety
Industrial accidents - Safety measures
Data do documento: 14-Abr-2014
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Curitiba
Referência: FONSECA, Juliana Basso da. Análise dos níveis de calor nos postos de trabalho de uma lavanderia industrial. 2014. 34 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) – Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Curitiba, 2014.
Resumo: Este trabalho tem por objetivo geral a medição dos níveis de temperatura nos postos de trabalho selecionados qualitativamente em uma lavanderia industrial localizada na Região Metropolitana de Curitiba. Muitos trabalhadores passam parte de sua jornada diária expostos a condições adversas de calor que representam certos perigos para a sua segurança e saúde. A antecipação, reconhecimento, avaliação e controle desses riscos devem estar presentes no Programa de Prevenção de Riscos Ambientais e no Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional, documentos exigidos legalmente e fundamentados nas Normas Regulamentadoras 9 e 7 do Ministério do Trabalho, respectivamente. Quando as trocas de calor entre o corpo humano e o ambiente ocorrem sem maior esforço, a sensação do indivíduo é de conforto térmico e sua capacidade de trabalho, desse ponto de vista, é máxima. As condições de conforto térmico são função da atividade desenvolvida pelo indivíduo, da sua vestimenta e das variáveis do ambiente que proporcionam as trocas de calor entre o corpo e o ambiente. O corpo reage às altas temperaturas externas através principalmente da perda excessiva de líquidos e sais, causando câimbras, fadiga, dores de cabeça e desmaios. Com o auxílio de um termômetro de globo, foram realizadas as medições das temperaturas, calculados os Índices de Bulbo Úmido Termômetro de Globo e os dados obtidos foram comparados com os Limites de Tolerância para exposição ao calor, em regime de trabalho intermitente com períodos de descanso no próprio local de prestação de serviço, considerando a atividade como moderada, seguindo as instruções da Norma Regulamentadora 15, do Ministério do Trabalho. Os valores obtidos indicaram que a saída da Hot Box 1 é o ponto mais crítico, no qual não é permitido o trabalho sem a adoção de medidas de controle, pois o IBUTG obtido foi de 34,2oC, caracterizando esse posto de trabalho como insalubre. Outros pontos de medição apontaram a necessidade de períodos de descanso. A partir destes resultados, foram sugeridas melhorias e adequações para tornar o local de trabalho ergonômico e termicamente adequado aos colaboradores e reduzir assim as possibilidades de acidentes de trabalho.
Abstract: This essay has the general objective to measure the levels temperature at workstations qualitatively selected in an industrial laundry located in the Metropolitan Region of Curitiba. Many workers spend part of their workday exposed to adverse conditions of heat, which represents certain dangers to their health and safety. The anticipation, recognition, evaluation and control of these risks must be present in the Environmental Risk Prevention Program and also in the Medical Control of Occupational Health Program, documents legally required and grounded in Regulatory Norms 9 and 7 of the Labor Ministry, respectively. When the heat exchange between the human body and the environment occur without great effort, the human’s feeling is thermal comfort and its ability to work, from this point of view, it is maximum. The thermal comfort is function of performed activity by the worker, their clothing and environment variables that provide heat exchange between the body and the environment. The body reacts to high external temperatures mainly through excessive loss of fluids and salts, causing cramps, fatigue, headaches and fainting. Using a globe thermometer, the temperature measurements were performed, calculated Wet Bulb Globe Temperature indices and the data obtained were compared with the heat exposure tolerance limits, under intermittent work with periods of rest onsite, following the instructions of Regulatory Norm 15. The results indicate that the exit of the Hot Box 1 is the most critical point where work is not allowed without control tools, once the WBGT obtained was 34.2° featuring this job C, station as unhealthy. Other measured points indicate the need for rest periods. Out of these results, suggestions for improvements and adjustments to make the site suitable for ergonomic and thermally employees work and thus reduce the chances of accidents.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/3532
Aparece nas coleções:CT - Engenharia de Segurança do Trabalho

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CT_CEEST_XXVIII_2014_18.pdf1,92 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.