Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/3699
Título: Simulações da agregação da amilina e causas da diabetes tipo II
Autor(es): Santos, Joelmir dos
Orientador(es): Frigori, Rafael Bertolini
Palavras-chave: Diabetes
Termodinâmica
Thermodynamics
Data do documento: Ago-2013
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Toledo
Referência: SANTOS, Joelmir dos. Simulações da agregação da amilina e causas da diabetes tipo II. 2013. 41 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) – Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Toledo, 2013.
Resumo: A Amilina ou IAPP (Islet amyloid polypeptide) é potencialmente responsável pelo desenvolvimento de formas agregadas que atuam no desenvolvimento da diabetes. Com uma abordagem microcanônica, objetivou-se investigar as causas da diabetes mellitus tipo II através de simulações de Monte Carlo, técnica oriunda da Física-estatística. Tais simulações foram estruturadas tendo -se como base de dados a hidrofobicidade conforme escala ‘Roseman’ de cada aminoácido constituinte da cadeia peptídica, sendo realizadas análises termodinâmicas com enfoque na entropia (S) e avaliando as possíveis configurações favoráveis a tal agregação para as variantes mutantes rIAPP (rato comum), cIAPP (gato‘domestico’) e hIAPP (homem). Foi usado o algoritmo multicanônico (MUCA)implementado em Fortran 90 e executado em Linux. Como ferramenta de visualização utilizou-se o RasMol, para comparação com o PDB e verificação dos estados agregados que induzem a doença, já para análises dos dados numéricos empregou-se o QtiPlot e xMGrace.
Abstract: The Amylin or IAPP (Islet amyloid polypeptide) is potentially responsible for the development of aggregated forms that operate in the development of the diabetes. With a microcanonical approach we aimed to investigate the causes of type II diabetes mellitus through Monte Carlo simulations, a technique derived from Statistical Physics. The simulations were structured taking as a database the hydrophobicity scale of 'Roseman' of each constituent aminoacid of the peptide chain. The analysis focused on the thermodynamic entropy (S) and evaluati ons of possible configurations favorable to aggregation of the mutant strains rIAPP (common rat), cIAPP ( 'domestic' cat) and hIAPP (man). We still used the well-known multicanonical algorithm (MUCA) implemented in Fortran 90 and run on Linux. For visualization purposes RasMol was employed for comparison of structures to PDB, so allowing verification of aggregated states that induce the disease. For analysing the numerical data QtiPlot and xmGrace were used.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/3699
Aparece nas coleções:TD - Tecnologia em Processos Químicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TD_COPEQ_2013_1_05.pdf1,13 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.