Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/3791
Título: Análise de riscos na indústria moveleira: estudo de caso
Autor(es): Lírio, Fabiana Rosa de
Orientador(es): Catai, Rodrigo Eduardo
Palavras-chave: Segurança do trabalho - Legislação
Indústria de móveis - Estudo de casos
Indústria de móveis - Fatores de risco
Industrial safety - Law and legislation
Furniture industry and trade - Case studies
Furniture industry and trade - Risk factors
Data do documento: 25-Out-2013
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Curitiba
Referência: LIRIO, Fabiana Rosa de. Análise de riscos na indústria moveleira: estudo de caso. 2013. 68 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização) – Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Curitiba, 2013.
Resumo: O presente trabalho tem como objetivo analisar os riscos referentes à execução das etapas do processo de fabricação de móveis. Para isto foi utilizada a ferramenta de gerenciamento de riscos denominada APR (Análise Preliminar do Risco). O material para esta análise foi embasado em uma amostragem de 20 indústrias, situadas nos principais pólos moveleiros do Brasil, visitadas durante o período de 2006 a 2012. Nas visitas técnicas foi possível observar que as etapas do processo de fabricação de móveis, mesmo nos casos onde existem investimentos tecnológicos, envolvem grande número de trabalhadores executando tarefas manuais e repetitivas. Sendo assim, o levantamento preventivo dos riscos poderá contribuir para melhoria da saúde e segurança dos trabalhadores da indústria moveleira. O estudo de caso foi focado no processo industrial de fabricação de móveis que tem como principal característica, a pintura das peças com tintas e vernizes (produção de móveis seriados). A técnica APR foi aplicada em cada etapa do processo de fabricação desde a armazenagem da matéria prima, tais como painéis de MDF (Medium Density Fiberboard) e MDP (Medium Density Particleboard), até a etapa final correspondente a embalagem das peças prontas. Os resultados apresentados mostraram que os principais riscos presentes nas etapas do processo de fabricação de móveis podem ser minimizados com uso de EPIs adequados a cada atividade, bem como o estabelecimento de procedimentos de trabalho, especifico para cada setor, pode contribuir para a organização e controle na gestão de riscos. Portanto conclui-se que os riscos do processo de fabricação de móveis classificaram-se, em sua maioria, como moderados. As recomendações sugeridas foram a execução constante de treinamentos para orientar o trabalhador quanto aos riscos e cuidados necessários, o uso de EPIs adequados a cada tarefa, sinalização gráfica e sonora, definição de espaços para circulação de pessoas com segurança, instalação de sistema de ventilação efetivo.
Abstract: The present study has the goal an analysis of risks in the steps of furniture process. For this was used the managing of risks tool, named APR (Preliminary Analysis of Risk). The context for this analysis was based in a sample of the 20 furniture industries, located in the main regions of furniture industry in the Brazil, visited between the years 2006 to 2012.In the technical visits it was possible observed the steps of manufacturing process of furniture, even in cases were exist technological investments, involve large number of workers performing manuals and repetitive activities. In this case the preliminary analysis of risk can contribute to improving conditions of health and safety of workers in the furniture industry.The case study was focused in the industrial process of furniture that has main characteristic the painting of wood samples with paint sand varnishes (production of serial furniture). The APR technique was applied in each stages of the manufacturing process, from the storage of raw materials, like that MDF (Medium Density Fiberboard) and MDP (Medium Density Particleboard) to ending stage, that corresponding the packing of prompt samples. The results showed that the main risks present in the stages of manufacture of furniture can be minimized by use of appropriate PPE (Personal Protective Equipment) for each activity as well as the establishment of working procedures, specific to each sector, can contribute to the organization and control risk management. Therefore it is concluded that the risks of furniture manufacturing process were classified mostly as moderate. The recommendations suggested were running constant to guide the worker about the risks and necessary precautions, use of appropriate PPE for each task, signage graphics and sound, defining spaces of circulation of people with security, installation of ventilation system effective.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/3791
Aparece nas coleções:CT - Engenharia de Segurança do Trabalho

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CT_CEEST_XXVI_2014_11.pdf8,32 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.