Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/4071
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorRoncaglio, Ryan Cesar-
dc.date.accessioned2015-08-19T18:47:30Z-
dc.date.available2015-08-19T18:47:30Z-
dc.date.issued2014-08-12-
dc.identifier.citationRONCAGLIO, Ryan Cesar. O Poe de Pessoa. 2014. 37 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Pato Branco, 2014.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/4071-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Tecnológica Federal do Paranápt_BR
dc.subjectPoesia - Análisept_BR
dc.subjectEstilo literáriopt_BR
dc.subjectAnálise linguísticapt_BR
dc.subjectPoetry - Analysispt_BR
dc.subjectStyle, Literarypt_BR
dc.subjectLinguistic analysis (Linguistics)pt_BR
dc.titleO Poe de Pessoapt_BR
dc.typebachelorThesispt_BR
dc.description.resumoEste trabalho apresenta uma análise comparativa entre o poema “The Raven” de Edgar Allan Poe e de sua tradução, denominada “O Corvo” de Fernando Pessoa. Foi feita uma análise de cada estrofe individualmente levando em conta questões tanto estruturais quanto semânticas e linguísticas. As teorias que esse trabalho se baseia é a filosofia de Paul Ricouer, o aparto histórico das correntes de tradução feito por John Milton, uma reflexão sobre Pessoa e Poe feita por Francisco Fino e a análise de Ivo Barroso. A análise permitiu apontar ocorrências de repetição e recriação do texto original para o traduzido e levantar questões sobre a possibilidade de analisar essa ocorrências com precisão.pt_BR
dc.degree.localPato Brancopt_BR
dc.publisher.localPato Brancopt_BR
dc.contributor.advisor1Wolkoff, Gisele Giandoni-
dc.subject.cnpqLicenciatura em Letraspt_BR
Aparece nas coleções:PB - Licenciatura em Letras

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
PB_COLET_2014_1_03.pdf1,16 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.