Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/4143
Título: Análise de viabilidade econômica de um novo equipamento: um estudo de caso para indústria moveleira
Autor(es): Lazare, Everton
Orientador(es): Oliveira, Gilson Adamczuk
Palavras-chave: Pequenas e médias empresas
Inovações tecnológicas
Produtos novos
Projeto de produto
Estudos de viabilidade
Small business
Technological innovations
New products
Product design
Feasibility studies
Data do documento: 1-Nov-2014
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Pato Branco
Referência: LAZARE, Everton. Análise de viabilidade econômica de um novo equipamento: um estudo de caso para indústria moveleira. 2014. 18 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Pato Branco, 2014.
Resumo: O ambiente competitivo do mercado exige a busca constante de inovações por parte das empresas que pretendem manter uma posição competitiva. Para manter-se produtiva é preciso desenvolver analise e competências internas, promovendo um ambiente colaborativo e propício à geração de novas ideias. O presente artigo propõe analisar a viabilidade econômica entre realizar um segundo turno ou adquirir uma nova máquina no processo produtivo de fabricação de portas da empresa Brasmacol Indústria e Comércio. Argumenta que a perspectiva clássica, ao descrever as atividades da fabricação de portas como processo fundamentalmente interno de geração de tecnologia e de produtos, para o estudo da empresa que necessita aumentar a produção e diminuir o tempo de entrega. A capacidade de produção de portas esta limitada a produção do centro de corte e furação Koch.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/4143
Aparece nas coleções:PB - Engenharia de Produção

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
PB_ESEP_I_2014_08.pdf418,06 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.