Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/5021
Título: Microencapsulação de curcumina com maltodextrina de10 e avaliação de estabilidade
Autor(es): Rosa, Magno Felipe
Orientador(es): Laczkowski, Mirian Sousdaleff
Palavras-chave: Corantes
Cor dos alimentos
Alimentos - Aditivos
Colorings matter
Color of food
Food additives
Data do documento: 2014
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Campo Mourao
Referência: ROSA, Magno Felipe. Microencapsulação de curcumina com maltodextrina de10 e avaliação de estabilidade. 50 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) – Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Campo Mourão, 2014.
Resumo: A Curcuma longa é originária do sudeste asiático, pertencente à família das Zingiberaceae. O pigmento principal é a curcumina, um corante natural de coloração amarelo-alaranjado. Contudo sua aplicação industrial se torna um desafio, devido à sua sensibilidade frente a agentes externos como incidência de luz, ao pH e às altas temperaturas, além de não ser solúvel em água. O processo de microencapsulação é uma alternativa promissora para viabilizar a utilização da curcumina na indústria. Com isso, o presente trabalho teve como objetivo principal obter microcápsulas de curcumina, através da técnica de secagem por liofilização, utilizando como material de parede das microcápsulas a maltodextrina DE10. Por conseguinte, avaliar a estabilidade das microcápsulas frente a luz, pH, solubilidade em água, análises térmicas por Calorimetria Diferencial de Varredura (DSC), Termogravimetria (TG) e comparação por Espectroscopia de Infravermelho com transformada de Fourier (FTIR). Os resultados demonstraram que as microcápsulas obtidas nos experimentos tiveram boa solubilidade sem apresentar precipitações utilizando água como solvente. Para estabilidade a luz, as microcápsulas apresentaram maior retenção da curcumina após 30 dias de armazenamento, com perda da cor em 21%. Para os resultados de pH, as microcápsulas não ocorreu variação nas faixa entre o pH 1 a 9, com um leve acentuado valor de absorção na faixa de pH 10. A avaliação de DSC e TG das microcápsulas, o pico endotérmico da curcumina não foi observado, indicando uma proteção ao corante exercida pela maltodextrina DE10. As análises de FTIR mostraram que as bandas da curcumina apresentam menor intensidade ao ser microencapsulada, seguindo as bandas características do material encapsulante. Diante do estudo concluiu-se que as microcápsulas apresentaram boa solubilidade em água, boa estabilidade frente a luz, pH, temperatura, sugerindo como boa alternativa a maltodextrina DE10 como material de parede de microcápsulas para o corante natural curcumina.
Abstract: The cúrcuma longa is originated from the asiatic southeast, belongs to Zingiberaceae family. The main pigment is the curmina, a natural dye of color yellow-orange. However, its industrial application becomes a challange because of its sensibility front to external agents like light incidence, to the pH and the high temperatures, besides not being soluble in water. The microencapsulation process is a promising alternative to enable the use of curcumin in the industry. Therewith, the presente work has like the main objective to get microcapsules of curcumin, by lyophilizationdrying technique, using like wall material of the microcapsules the DE10 maltodextrina, with predetermined proportions. Then to analyze stability of the microcapsule against the ligth, ph, solubility in water, Differential Scanning Calorimetry (DSC), Thermogravimetry (TG) and Fourier Transform Infrared Spectroscopy (FTIR). The results shows that microcapsules obtained at the experiments presented good solubility and without presenting precipitation using water like solvent. To stability before the light the microcapsules presented bigger retention of curcumin after 30 days of storage (with loss of color 21%). The results to pH, the microcapsules had invariable behavior in the range pH between 1 to 10, with a slight accentuated on value in absorbance in the range pH 10. The evaluation of the DSC and TG of the microcápsules, the endothermic peak of curcumin is not observed, indicating a protection to the colorant exerted by the DE10 maltodextrina. The FTIR analysis showed that the curcumin's bands have a lower intensity when it is microencapsulated, following the characteristic bands of the encapsulating material. With the study was conclued that the microcapsules presented good stability against light, pH, temperature, and good solubility in water, and suggesting the DE10 maltodextrin like microcapsule wall material as a good alternative.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/5021
Aparece nas coleções:CM - Tecnologia em Alimentos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CM_COEAL_2014_2_05.pdf
  Disponível a partir de 4999-12-31
1,22 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir Solicitar uma cópia


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.