Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/5196
Título: Desenvolvimento de micropartículas estruturadas contendo curcumina
Autor(es): Silva, Jéssica Thaís do Prado
Orientador(es): Gonçalves, Odinei Hess
Palavras-chave: Cúrcuma
Corantes
Polímeros
Turmeric
Colorings matter
Polymers
Data do documento: 18-Dez-2014
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Campo Mourao
Referência: SILVA, Jéssica Thaís do Prado. Desenvolvimento de micropartículas estruturadas contendo curcumina. 2014. 37 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) – Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Campo Mourão, 2014.
Resumo: A curcumina é um corante natural amarelo – alaranjado extraído do rizoma da Curcuma longa. Trata-se de um polifenol com importantes efeitos biológicos comprovados por estudos científicos, atuando como um potente antioxidante, inibindo a formação de células cancerígenas, além de possuir efeito antiinflamatório. O emprego da curcumina como corante na indústria de alimentos é limitado devido à sua baixa solubilidade em água, sensibilidade ao tratamento térmico, luz, presença de íons metálicos, enzimas, ácido ascórbico, entre outros. Deste modo, a técnica de encapsulação deste corante vem sendo ressaltada na literatura como um método eficaz para melhorar sua aplicabilidade tecnológica. Neste trabalho, curcumina foi encapsulada em micropartículas de policaprolactona (PCL) recobertas com gelatina reticulada por transglutaminase através da técnica de emulsificação/evaporação do solvente. Foram realizadas análises para a caracterização das micropartículas, que apresentaram formato esférico e eficiência de encapsulação de (81 ± 13)%. Além disso, foram avaliados os perfis de liberação da curcumina das micropartículas de PCL sem recobrimento e em micropartículas de PCL recobertas com gelatina reticulada com 1,96 e 5,9% de transglutaminase (em relação à massa de gelatina), onde as micropartículas de PCL sem recobrimento apresentaram uma taxa de liberação de 4,3 mg.mL-1.min-1, enquanto que as micropartículas de PCL recobertas com gelatina reticulada com 1,96% de transglutaminase apresentaram taxa de liberação de 3,2 mg.mL-1.min-1. Os resultados indicam que a técnica utilizada é viável para modificar a liberação do corante das microcápsulas.
Abstract: Curcumin is a natural yellow – orange dye extracted from Curcuma longa. It is a polyphenol with important biological effects since it acts as a potent antioxidant, inhibits the formation of cancer cells and also has anti-inflammatory effect. The use of curcumin as a dye in the food industry is limited due its low water solubility, sensibility to heat treatment, light, presence of metal ions, enzymes, ascorbic acid and others. Encapsulation techniques have been emphasized in the literature as an effective method to improve its technological applicability. In this study curcumin was encapsulated in polycaprolactone (PCL) microparticles obtained by emulsification/solvent evaporation technique and coated with transglutaminase crosslinked gelatin. Analyzes were performed to characterize the microparticles which presented spherical shape and encapsulation efficiency of (81 ± 13)%. In addition, the curcumin release profiles from uncoated PCL microparticles and gelatin crosslinked-PCL microparticles (1.96 and 5.9% of transglutaminase) were evaluated. Uncoated PCL microparticles showed a release rate of 4.3 mg.mL-1.min-1 whereas the PCL microparticles coated with gelatin crosslinked with 1.96% of transglutaminase showed liberation rate of 3.2 mg.mL-1.min-1. Results indicate that the technique is viable to modify the curcumin release rate from the microcapsules.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/5196
Aparece nas coleções:CM - Engenharia de Alimentos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CM_COEAL_2014_2_09.pdf467,69 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.