Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/5320
Título: Coagulantes químicos e naturais para tratamento de efluentes gerados em postos de lavagem de veículos
Autor(es): Oliveira, Danielle Martins Cassiano de
Orientador(es): Pereira, Edilaine Regina
Palavras-chave: Água - Reuso
Água - Purificação - Coagulação
Água - Purificação - Floculação
Water reuse
Water - Purification - Coagulation
Water - Purification - Flocculation
Data do documento: 7-Ago-2014
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Londrina
Referência: OLIVEIRA, Danielle Martins Cassiano de. Coagulantes químicos e naturais para tratamento de efluentes gerados em postos de lavagem de veículos. 2014. 117 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Londrina, 2014.
Resumo: O aumento dos problemas relacionados à escassez da água reforça a alternativa de seu reúso. O tratamento de efluentes gerados em postos de lavagem de veículos pode ser um meio eficaz para a sua reutilização. Esta pesquisa procurou testar três coagulantes entre naturais e químicos comparando-os quanto a sua eficácia no ensaio de coagulação/floculação, tais coagulantes como os naturais Moringa oleifera e Tanfloc SG e o químico sulfato de alumínio. Utilizou-se um Planejamento experimental de delineamento composto central rotacional (DCCR) para determinar as condições ótimas de melhores remoções de cor, turbidez, DQO, série de sólidos, nitrogênio total e surfactantes, assim como avaliar o pH e condutividade na presença dos coagulantes. As variáveis independentes escolhidas para a aplicação do método foram a concentração e o tempo. As concentrações foram testadas quanto a faixa de coagulação/floculação buscando escolher o intervalo a ser inserido no método do DCCR. Através do DCCR foram especificados as concentrações e os tempos utilizados no ensaio, para a Moringa oleifera a concentração variou de 200 a 800 mg/L, para o Tanfloc SG no intervalo de 100 a 400 mg/L e para o sulfato de alumínio de 300 a 800 mg/L. O coagulante considerado de melhor eficiência no panorama geral foi o coagulante natural Tanfloc SG .Este apresentou a melhor clarificação do efluente com remoção de cor de 93,45% e de turbidez de 97,82%, o que propicia uma boa recirculação do efluente para a lavagem de postos e melhor aceitação por parte dos consumidores, além de não possuir problemas com a condutividade e remover grande parte do sabão presente no efluente bruto.
Abstract: The increase of problems related to water scarcity lead to strengthen the alternative reuse. The treatment of effluents with the purpose of reusing it can be an effective means. This study sought to test three chemical coagulants between natural and comparing them as to their effectiveness in assay of coagulation / flocculation coagulants such as natural and Tanfloc SG, Moringa oleifera, aluminum sulfate chemical. It was used an experimental planning central composite rotational design (CCRD) to determine the optimum conditions for better removal of color, turbidity, COD, solids, total nitrogen and surfactants, as well as evaluate the pH and conductivity in the presence of coagulants. The independent variables chosen for the application of the method were concentration and time. Concentrations were tested for a range of coagulation / flocculation seeking choosing the range to be inserted into the CCRD method. Through the DCCR were specified concentrations and times used in the test for the jug concentration was within 200 to 800 mg / L to SG Tanfloc SG in the range of 100 to 400 mg / L and aluminum sulfate of 300 to 800 mg / L. The coagulant considered as a better efficiency in was the natural coagulant Tanfloc SG. It has shown the best clarification of the effluent, with 93.45% of color removal and 97.82% of turbidity removal, which provides a good recirculated effluent for washing stations and better acceptance by consumers. In addition this method didn´t have problems with conductivity and removed much of the soap present in raw wastewater.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/5320
Aparece nas coleções:LD - Engenharia Ambiental

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
LD_COEAM_2014_1_06.pdf2,76 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.