Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/5346
Título: Purificação parcial de toxina killer de Hansenula wingei visando aplicação no controle do desenvolvimento de fungos filamentosos deteriorantes de alimentos
Autor(es): Fontana, Herrison Yoshiki Yocida
Orientador(es): Coelho, Alexandre Rodrigo
Palavras-chave: Fungos
Pragas agrícolas - Controle biológico
Leveduras
Fungi
Agricultural pests - Biological control
Yeast
Data do documento: 17-Nov-2015
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Londrina
Referência: FONTANA, Herrison Yoshiki Yocida. Purificação parcial de toxina killer de Hansenula wingei visando aplicação no controle do desenvolvimento de fungos filamentosos deteriorantes de alimentos. 2015. 33 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná. Londrina, 2015.
Resumo: O Brasil é um país agropecuário de destaque no cenário mundial da produção de commodities agrícolas. Neste contexto, durante o armazenamento, os grãos se tornam suscetíveis à proliferação de fungos filamentosos devido às suas características nutricionais. Durante o crescimento, determinadas espécies podem produzir micotoxinas que constituem um perigo natural na cadeia produtiva do alimento. Sendo assim, medidas de controle de desenvolvimento fúngico se tornam necessárias para prevenção de deteriorantes e, consequentemente, ocorrência destas toxinas nos alimentos. O objetivo deste trabalho é produzir e purificar toxina killer de Hansenula wingei visando aplicação no controle do desenvolvimento de fungos filamentosos deteriorantes de alimentos. Os fungos testes foram identificados por meio do sequenciamento da região ITS (Internal Transcribed Spacer). Para a obtenção do extrato bruto, a levedura foi cultivada em caldo MPL à 25oC por 96h. Após este período o cultivo foi centrifugado e filtrado em membrana de 0,20 µm para remoção das células e o extrato obtido. A purificação parcial do extrato foi realizada por sistema de ultrafiltração em membranas de exclusão molecular de 30 e 10 kDa, então essas frações foram testadas frente à germinação de esporos fúngicos de Aspergillus ochraceus e Penicillium expansum. O sequenciamento da região ITS dos fungos foi eficaz na confirmação da identificação morfológica. O sistema de ultrafiltração possibilitou a obtenção de três frações, denominadas Fração 1 (> 30 kDa), Fração 2 (entre 10 e 30 kDa), e Fração 3 (< 10 kDa). Embora as frações 1 e 2 terem sido concentradas 14 e 13 vezes, o processo de ultrafiltração não foi eficiente na purificação parcial da toxina killer de H. wingei. A porcentagem de esporos germinados nas frações 1 e controle positivo não diferiram entre si (p > 0,05), embora a primeira fração tenha sido um pouco mais eficaz. Embora as frações 2 e 3 tenham diferido significativamente entre si e do controle negativo (p < 0,05), foi observado que mais de 50% dos esporos de ambos os fungos germinaram na presença destas.
Abstract: Brazil is a featured country in the global production of rural commodities. In this sense, during the storage, the grains become susceptible to fungi spoilage due its nutritional characteristics. During the growing, some of fungi species are able to product mycotoxins that are a natural danger to the food chain. Therefore, measures of fungal grow control are needed to prevention and consequently incidence of mycotoxins in food. The objective of this job is produce and partially purify killer toxin of Hansenula wingei aiming application in control of fungal growth deteriorating food. Test fungi were identified through sequencing of I.T.S. (Internal Transcribed Spacer) region. For the crude extract, the yeast were grown in MPL broth at 25oC for 96h. After this time, the broth was centrifuged in order to remove the yeast cells and the crude extract was obtained. The partial purification was done by an ultrafiltration system using 30 and 10 kDa molecular exclusion membrane then the fractions were tested against the germination of fungal spores from Aspergillus ochraceus and Penicillium expansum. The sequencing of the ITS region of the fungus was effective in confirming the morphological identification. The ultrafiltration system made it possible to obtain three fractions, designated fraction 1 (> 30 kDa), fraction 2 (between 10 and 30 kDa) and fraction 3 (<10 kDa). Although the fractions 1 and 2 were concentrated 14 times and 13, the ultrafiltration process was not effective inpartial purification of the killer toxin of H. wingei. The percentage of germinated spores in fractions 1 and positive control did not differ (p> 0.05), although the first part was a little more effective. Although the fractions 2 and 3 differed significantly between itself and from the negative control (p < 0.05) was observed over 50 % of both mold spores germinate in the presence thereof.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/5346
Aparece nas coleções:LD - Tecnologia em Alimentos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
LD_COALM_2015_2_02.pdf254,43 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.