Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/5361
Título: Estudo do balanço hídrico da área de influência da zona de recarga do Sistema Aquífero Guarani (SAG) no estado de São Paulo
Autor(es): Scalco, Adriano Vinícius
Orientador(es): Santos, Maurício Moreira dos
Palavras-chave: Balanço hidrológico
Aquíferos
Water balance (Hidrology)
Aquifers
Data do documento: 4-Dez-2014
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Londrina
Referência: SCALCO, Adriano Vinícius. Estudo do balanço hídrico da área de influência da zona de recarga Sistema Aquífero Guarani (SAG) no estado de São Paulo. 2014. 86 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Londrina, 2014.
Resumo: A zona de afloramento do Sistema Aquífero Guarani (SAG) no estado de São Paulo tem uma área composta pelos arenitos das formações Botucatu e Pirambóia, com grande potencial de recarga. Porém, nos limites dessa zona se encontram grandes centros urbanos, como por exemplo: Ribeirão Preto, São Carlos e Araraquara, que explotam água do SAG para suprir a sua demanda hídrica. Este estudo apresenta, com base em levantamento de dados meteorológicos, extratos do balanço hídrico da área de afloramento do SAG. Assim, os resultados alcançados pelo presente trabalho, poderão auxiliar na tomada de decisão sobre a gestão sustentável dos recursos hídricos subterrâneos. Para a construção dos extratos do balanço hídrico nas áreas de afloramento do SAG, foi utilizada metodologia criada por Thornthwaite e Mather (1955). A aplicação dessa metodologia, junto com os seus resultados, permite uma melhor compreensão dos ganhos e perdas constantes no ciclo hidrológico, possibilitando assim, o conhecimento dos principais fatores ligados ao balanço hídrico, como a evapotranspirações potencial e relativa, excedentes e deficiências hídricas. A região norte apresentou um extrato do balanço hídrico com médias de excedente entre os meses de novembro a março para o período histórico estudado. Já a região central apresenta médias de excedente somente entre os meses de janeiro a março. A região sul, mostra um extrato com excedente hídrico ao longo de toda a média histórica analisada. As maiores médias de déficit nas regiões norte e central são encontradas entre os meses de agosto e setembro. Já na região sul não apresenta médias expressivas de déficit. Com a análise dos extratos das regiões do SAG, comparando-se períodos médios históricos diferenciados, conclui-se que houve uma evolução negativa nos extratos do balanço hídrico para a série mais recente (2002-2013), agravando de deficiência hídrica.
Abstract: The outcrop zone of the Guarani Aquifer System (GAS) in São Paulo has an area composed by sandstones of Botucatu and Pirambóia lands, with great potential for recharge. However, on the limits of this zone are the largest urban centers, such as: Ribeirão Preto, São Carlos and Araraquara, which uses water of the GAS to get water demand. This study, was based on a survey of weather data, the extracts of water balance about outcrop area of the GAS. Thus, the results obtained by the present study may help decisions about sustainable management of groundwater resources. For construction the extracts of water balance about outcrop areas of the GAS, was used the methodology created by Thornthwaite and Mather (1955). The application of this methodology, among the results, allows the best understanding of the hydrological cycle gains and losses, thus, the knowledge of the main factors related to water balance, as the potential and relative evapotranspiration, surplus and water stress. The northern region show extract of water balance with surplus between November to March for the historical period studied. Already the central region has averaged only between January to March. The southern region, shows an extract with water surplus throughout the historical average analyzed. The highest average deficit in the northern and central regions are found between August and September. In the southern region shows no significant mean deficit. With this analysis about the extracts of regions in the GAS, comparing different average historical periods, is concluded there was a negative trend in the water balance for the latest series (2002-2013), worsening of water stress.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/5361
Aparece nas coleções:LD - Engenharia Ambiental

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
LD_COEAM_2014_2_01.pdf2,8 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.