Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/6135
Título: A influência do dialeto italiano no português falado pelos descendentes ítalo-brasileiros: uma análise sociolinguística da vogal nasal [ã]
Autor(es): Nascimento, Dayanne Villani do
Orientador(es): Gritti, Leticia Lemos
Palavras-chave: Fonética
Imigrantes
Linguagem e línguas
Análise linguística
Phonetics
Immigrants
Language and languages
Linguistic analysis (Linguistics)
Data do documento: 2015
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Pato Branco
Referência: NASCIMENTO, Dayanne Villani do. A influência do dialeto italiano no português falado pelos descendentes ítalo-brasileiros: uma análise sociolinguística da vogal nasal [ã]. 2015. 21 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Pato Branco, 2015.
Resumo: Os povos imigrantes, sobretudo alemães e italianos, trouxeram ao Brasil inúmeros aspectos sociais, culturais e linguísticos. Neste contexto, considerando as variações trazidas pelos dialetos italianos à Língua Portuguesa, este estudo apresenta uma análise sociolinguística da pronúncia da vogal nasal [ã] da Língua Portuguesa falada por alguns descendentes de imigrantes italianos. A partir disso, busca-se verificar se essa variação é encontrada da mesma forma em diferentes gerações familiares, na cidade de São Lourenço do Oeste – SC. Para tanto, esta pesquisa realizou a aplicação de questionário e gravação de áudios, na intenção de analisar a variação das falas e fundamentou-se nos seguintes teóricos: Bambini (2002); Frosi e Mioranza (1975); De Marco (2015); Silva (2001); Labov (2008). Ademais, contextualiza-se a interferência deixada pela Ditadura Militar da era Vargas quanto ao uso desses dialetos, relacionando a proibição do uso de idiomas estrangeiros em público. Tais medidas, que fizeram com que a população de imigrantes e descendentes de italianos passasse a usar seus dialetos apenas no seio familiar, provavelmente contribuíram para que o uso desses linguajares perdesse espaço junto às gerações mais novas.
Abstract: Immigrant people, including Germans and Italians, brought to Brazil numerous social, cultural and linguistic aspects. In this context, considering the changes brought to the Portuguese Language by Italian dialects, this study presents a sociolinguistic analysis of the pronunciation of the Portuguese nasal vowel [ã] spoken by some descendants of Italian immigrants. From this, we seek to ascertain whether this variation is found the same in different family generations, in Sao Lourenco do Oeste – SC, Brazil. To this end, application questionnaires and recording audios were applied in this research, intending to analyze the variation of the talks and it was based on the following authors: Bambini (2002); Frosi e Mioranza (1975); De Marco (2015); Silva (2001); Labov (2008). Moreover, it contextualizes the interference left by the military dictatorship of Vargas in relation to the use of these dialects, relating to prohibition of the use of foreign languages in public. Such measures, which have caused the population of immigrants and descendants of Italians to use their dialects only in the family, probably contributed so that these vernaculars were not used by younger generations.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/6135
Aparece nas coleções:PB - Letras: Linguagem e Sociedade

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
PB_EL_I_2015_06.pdf255,72 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.