Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/669
Título: Avaliação da viabilidade técnica e financeira para implantação de rede wireless no departamento de projetos da UTFPR
Autor(es): Mokwa, Ramires Herrmann
Orientador(es): Nabas, Kleber Kendy Horikawa
Palavras-chave: Redes locais sem fio
Redes de computadores
IEEE 802.11 (Normas)
Telecomunicações - Tráfego
Wireless LANs
Computer networks
IEEE 802.11 (Standards)
Telecommunication – Traffic
Data do documento: 18-Abr-2011
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Curitiba
Referência: MOKWA, Ramires Herrmann. Avaliação da viabilidade técnica e financeira para implantação de rede wireless no departamento de projetos da UTFPR. 2011. 91 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização) – Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Curitiba, 2011.
Resumo: Este trabalho pretende avaliar a viabilidade técnica para implantar uma rede sem fios para dez computadores do departamento de projetos da UTFPR (Universidade Tecnológica Federal do Paraná). Além da viabilidade técnica, pretende-se realizar o levantamento de custos da rede sem fios e uma avaliação dos custos de uma rede cabeada destinada a atender os mesmos computadores, com a finalidade de comparar os custos. Pretende-se também comparar o desempenho da rede sem fios com o desempenho da rede cabeada, através da medição das velocidades e dos tráfegos das duas redes. A rede sem fios a ser implantada será baseada no padrão IEEE 802.11g e sua topologia será infraestruturada. Para a rede sem fios, serão abordadas as principais técnicas de modulação e multiplexação, algumas técnicas de controle de acesso ao meio, algumas técnicas de espalhamento de freqüência e algumas técnicas de segurança. Outros padrões de redes sem fios, propostos pelo IEEE (Institute of Electrical and Electronic Engineers) e baseados no padrão 802.11 original, também serão abordados. Verifica-se que a rede sem fios apresenta bom desempenho quando o tráfego é baixo ou quando número de computadores na rede é pequeno. A principal vantagem da rede sem fios em relação à rede cabeada é a mobilidade, além dos custos de implantação mais baixos. Contudo, para grandes demandas de tráfego, verifica-se que a rede cabeada ainda é a melhor opção, o que pôde ser comprovado pelo presente trabalho.
Abstract: This study aims to assess the technical feasibility of deploying a wireless network to ten computers in the department's project of UTFPR (Federal Technological University of Paraná). Besides the technical feasibility, we intend to conduct a survey of costs of wireless network and a costs assessment of a wired network designed to meet the same computers, in order to compare costs. We also intend to compare the performance of wireless network with the wired network performance, by measuring the two networks traffic's speed. The wireless network will be deployed based on IEEE 802.11g standard topology is it’s infrastructured. For the wireless network, will address the main modulation and multiplexing techniques, some techniques for medium access control, some frequency scattering techniques and some safety techniques. Other wireless network standards, proposed by the IEEE (Institute of Electrical and Electronic Engineers), based on the original 802.11 standard, will also be discussed. It appears that the wireless network performs well when traffic is low or when the number of computers on the network is small. The main advantage of wireless over wired network is the mobility, in addition to lower implementation costs. However, for large traffic demands, it appears that the wired network is still the best option, which could be proven by this study.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/669
Aparece nas coleções:CT - Teleinformática e Redes de Computadores

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CT_TELEINFO_XIX_2011_17.pdf2,24 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.