Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/7148
Título: Comparativo de modelos de previsão da fluência do concreto apresentados na NBR 6118 (2014) e no ACI 209-R (2008)
Título(s) alternativo(s): Comparison of the forecasting creep models in concrete that are presented in NBR 6118 (2014) and ACI 209-R (2008)
Autor(es): Antuniazi, Cássio Henrique Maranhão
Orientador(es): Dalcanal, Paola Regina
Palavras-chave: Análise estrutural (Engenharia)
Concreto
Engenharia - Especificações
Construção civil - Normas
Método dos elementos finitos
Structural analysis (Engineering)
Concrete
Engineering - Specifications
Building - Standards
Finite element method
Data do documento: 17-Nov-2015
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Pato Branco
Referência: ANTUNIAZI, Cássio Henrique Maranhão. Comparativo de modelos de previsão da fluência do concreto apresentados na NBR 6118 (2014) e no ACI 209-R (2008). 2015. 68 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Pato Branco, 2015.
Resumo: A fluência é um fenômeno deletério do concreto que é definido como sendo o aumento da deformação de um elemento estrutural quando submetido a uma tensão constante ao longo do tempo. Muitos são os fatores que influem no seu desenvolvimento, como a umidade, a temperatura e o tipo de cimento. Por ser um fenômeno dependente de vários fatores, ainda não foi possível se encontrar uma equação que consiga prever com exatidão a deformação por fluência de uma peça estrutural. Mas, existem alguns modelos de previsão propostos por normas internacionais e nacional. Assim, um dos objetivos desse estudo é comparar os modelos de previsão apresentados nas normas brasileira e americana, confrontando também a resultados experimentais. Também apresentar como os parâmetros supracitados interferem neste fenômeno. Outra questão abordada no trabalho é a utilização de modelagem numérica para prever o comportamento de estruturas de concreto, que para reproduzirem os fenômenos físicos necessitam de um modelo de previsão confiável. Diante disso, após verificar-se que o modelo de previsão americano fornece resultados mais próximos aos experimentais comparados, fez-se a implementação do mesmo em um aplicativo desenvolvido em linguagem Fortran utilizando o Método dos Elementos Finitos. Verificou-se que o aplicativo atendeu a necessidade de realizar a previsão com valores iguais ou muito próximos aos valores do modelo fornecidos com o uso de uma planilha eletrônica. E que dentre os fatores já citados a umidade é a que mais influencia na deformação por fluência, sendo que quanto maior a umidade menor a deformação.
Abstract: Creep is a detrimental concrete phenomenon defined as the incremental deformation of a structural member when submitted to a constant tension over time. Many are the factors that influence its development, such as humidity, temperature and cement type. As a result of its multiple influential factors, an equation that can accurately predict the deformation of a structural element could not be found yet. But, there are some prediction models proposed by internationalsand national standards. Therefore, one of the goals of this paper is compare the prediction models presented by American and Brazilian standards, both between themselves and with experimental results. Furthermore, present how the above parameters affect this phenomenon. Another issue considered on this paper is the using of numerical modelling to predict the behavior of the concrete structures, which needs a reliable prediction model to reproduce the physical phenomenon. After verify that the American prediction model provides the closest results to the experimental values, it was implemented in an application developed using Fortran and the Finite Element Method. After the implementation, it was verified whether the values predicted by the application were the same or closed to the ones given by the electronic spreadsheet. It could also be concluded that the humidity is the factor that more influences on creep deformation and how bigger the humidity is, smaller is the deformation.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/7148
Aparece nas coleções:PB - Engenharia Civil

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
PB_COECI_2015_2_26.pdf1,56 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.