Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/7275
Título: Análise multicritério aplicada ao zoneamento ambiental em parte da região metropolitana de Londrina
Autor(es): Sacramento, Bruna Henrique
Orientador(es): Batista, Lígia Flávia Antunes
Palavras-chave: Mapeamento ambiental
Sensoriamento remoto
Áreas de conservação de recursos naturais
Environmental mapping
Remote sensing
Natural resources conservation areas
Data do documento: 25-Nov-2016
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Londrina
Referência: SACRAMENTO, Bruna Henrique. Análise multicritério aplicada ao zoneamento ambiental em parte da região metropolitana de Londrina. 2016. 66 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Londrina, 2016.
Resumo: O Zoneamento Ambiental consiste na união de informações ambientais e socioeconômicas para indicar aptidão ou vulnerabilidade de uma área. A Análise Multicritério (AMC) é uma técnica de suporte à tomada de decisões para resolução de problemas com vários critérios relacionados, por identificação de alternativas para o objetivo considerado. Portanto, o objetivo do presente trabalho foi propor áreas recomendadas à conservação e ao desenvolvimento socioeconômico por AMC na porção norte de Londrina e municípios limítrofes. A área de estudo contempla uma parte da Região Metropolitana de Londrina. A técnica AMC adotada foi a Análise Hierárquica de Processos (AHP), que permite a atribuição de pesos a um conjunto de variáveis de entrada pela comparação pareada qualitativa das mesmas. Os critérios considerados para AHP de conservação foram: as proximidades à Área de Proteção Permanente (APP); à vegetação; às áreas prioritárias à conservação e recuperação; ao Parque Estadual Mata dos Godoy (PEMG); à Zona de Amortecimento do parque prevista no plano de manejo e; à Bacia dos Apertados. Para o outro objetivo, foram consideradas as: proximidades à área urbana; à malha viária e; às áreas industriais, comerciais e agrícolas. O mapa de uso e ocupação do solo foi elaborado a partir da classificação supervisionada (Máxima Verossimilhança e Bhattacharya) de uma imagem de Sensoriamento Remoto (Landsat 8). O banco de dados foi elaborado por operações sobre dados vetoriais, como delimitação de APP. Foram gerados dois mapas síntese: um com o método AHP e todas as variáveis citadas e outro em que foram consideradas apenas as proximidades à área urbana e à malha viária para o desenvolvimento. A combinação dos dados de conservação e desenvolvimento foi realizada com o método Multi-Objective Land Allocation (MOLA) adaptado, que permite a geração de áreas neutras, conflitantes, destinadas à conservação ou ao desenvolvimento. Os procedimentos foram realizados nos softwares Spring e QGIS. A classe com maior área percentual no mapa de uso e ocupação do solo gerado pelos classificadores supervisionados foi a agrícola (66,13%). Cerca de 9% do polígono de estudo representa áreas de APP. As variáveis que tiveram maior peso gerado pela AHP de conservação e desenvolvimento foram o PEMG e área urbana, respectivamente. Pelo método MOLA adaptado, não foram identificadas áreas de conflito. As áreas neutras tiveram a maior porcentagem nas duas combinações pela metodologia, com 37,89% e 42,67% para duas AHP e com apenas uma, respectivamente. Foi possível, portanto, determinar as áreas mais adequadas à conservação e ao desenvolvimento na área de estudo. Trabalhos dessa natureza são importantes para mostrar alternativas de conciliação do desenvolvimento econômico e conservação do meio ambiente.
Abstract: The Environmental Zoning consists of the union of environmental and socioeconomic information to indicate aptitude or vulnerability of an area. Multicriteria Analysis (AMC) is a decision support technique for solving problems with several related criteria, by identifying alternatives to the objective considered. Therefore, the objective of the present study was to prupose recommended areas for conservation and socioeconomic development by AMC in the northern portion of Londrina and neighboring cities. The study area contemplates a part of Londrina’s Metropolitan Region. The AMC technique adopted was the Hierarchical Process Analysis (AHP), which allows the attribution of weights to a set of input variables by their qualitative matching. The criteria considered for conservation AHP were: the proximity to Permanent Protection Area (APP); to vegetation; to Priority areas for conservation and recovery; to Mata dos Godoy State Park (PEMG); to Zone of Damping of the park provided in the management plan and to Apertados Basin. For the other objective, it was considered: the proximity to urban area; to road mesh and; to industrial, commercial and agricultural areas. The land use and occupation map was elaborated from the supervised classification (Maximum Likelihood and Bhattacharya) of a Remote Sensing image (Landsat 8). The database was elaborated by operations on vector data, such as APP delimitation. Two synthesis maps were generated: one with the AHP method and all the mentioned variables, and another one in which the areas destined to development were determined only considering the distance to urban areas and road network. The combination of data was performed by the Multi-Objective Land Allocation (MOLA) adapted method, that allows the generation of neutral, conflicting, destined to conservation or destined to development area. The procedures were performed in Spring and QGIS software. The class with the highest percentage area in the land use and occupation map generated by the supervised classifiers was the agricultural one (66.13%). About 9% of the study polygon represents APP areas. The variables that had the greatest weight generated by conservation and development AHP were PEMG and urban area, respectively. By the MOLA adapted method, conflict areas were not identified. The neutral areas had the highest percentage in the two combinations by the method, with 37.89% and 42.67% for two AHPs and with only one, respectively. It was possible, so, to determinate the proper areas to conservation and development in the study area. Studies like this one are important to show the alternatives to conciliate the economic development and environmental conservation.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/7275
Aparece nas coleções:LD - Engenharia Ambiental

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
LD_COEAM_2016_2_03.pdf4,2 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.