Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/732
Título: Perfil de pelagem de bovinos marchangus, marchigiana, zebuinos e cruzados em função da estação do ano
Autor(es): Reolon, Juliana
Orientador(es): Montagner, Marcelo Marcos
Palavras-chave: Bovino
Bovino de corte - Reprodução
Cattle
Beef cattle - Reproduction
Data do documento: 2011
Editor: Universidade Tecnologia Federal do Paraná
Câmpus: Dois Vizinhos
Referência: REOLON, Juliana. Perfil de pelagem de bovinos marchangus, marchigiana, zebuínos e cruzados em função da estação do ano. 2011. 18 f. Trabalho Conclusão de Curso (Graduação) – Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Dois Vizinhos, 2011.
Resumo: O rebanho bovino brasileiro se encontra entre os maiores do mundo, sendo o maior exportador de carne bovina, constituído em sua maioria por animais zebuínos, que se adaptam melhor ao clima tropical. Devido ao fator climático muitos bovinos, bos taurus, com alto potencial de produção sofrem com o estresse por calor, e uma forma de amenizar a situação seria através do cruzamento dessas com raças adaptadas ao calor. As características do pelame (espessura, comprimento médio dos pêlos, número de pêlos por unidade de área) influenciam diretamente na capacidade de troca de calor dos bovinos. O objetivo deste trabalho é avaliar as características do pelame de animais composto Marchangus, Marchigiana, Zebuinos e cruzados, relacionadas às condições climáticas em diferentes estações do ano na Região Sudoeste do Paraná. Foi analisado dados de espessura, quantidade de pêlos por área, densidade e comprimento, coletados com uma lâmina adaptada para a retirada dos pêlos em 1cm², foi feita uma média aritmética do comprimento dos dez maiores pêlos conforme eleitos através de uma análise visual, sendo feitas com uma régua adaptada. Os resultados mostraram que os bezerros Marchangus apresentaram pelos mais longos em todas as áreas avaliadas, e quando comparamos o efeito da estação do ano para todos os grupos os animais apresentaram pêlos mais longos no inverno. Para a quantidade de pêlos os animais apresentaram menos pêlos no verão, característica importante para climas tropicais e subtropicais. Conclui-se que touros Marchangus e vacas Marchigiana/Marchangus possuem pêlos mais longos do que vacas zebuínas no inverno, sendo isso um possível fator importante para os animais europeus quanto à adaptação ao inverno. Vacas Zebuínas apresentam quase o dobro de pêlos por cm² do que as vacas e touros Marchangus e Marchigiana, portanto, a quantidade de pêlos menor não deve ser um fator que determina maior adaptação ao calor do verão. Esse maior número de pêlos dos zebuínos se manifesta também em bezerros meio sangue e de forma interessante não em novilhas. Por fim o diâmetro do pêlo não parece ser um fator importante para maior adaptação dos diferentes grupos genéticos bovinos no inverno e verão em clima subtropical úmido.
Abstract: The Brazilian cattle herd is among one of the largest, being the largest exporter of beef, its herd is constituted mostly by Zebu cattle which adapt better to the tropical climate. Due to the climatic factor many bovine, bos taurus, a high productive bovine, suffer from heat stress, and a way to minimize the situation, could be through the crossbreeding between them with zebu cattle. The hair coat (thickness, average hair length, number of hair per unit area) influence directly the ability of heat change in cattle. The aim of this study is to evaluate the characteristics of the coat of composite Marchangus, Marchigiana, Zebu and crossbred animals, related to climatic conditions in different seasons in the southwestern of Paraná. Was be analyzed data about thickness, amount of hair per unit area and length, collected with an adapted blade for removing hair in 1cm ² of area, was be taken an arithmetic average of the length of the top ten hair as elected through a visual analysis, being done with an adapted ruler. The results showed that the calves had the longest Marchangus in all areas assessed, and when we compare the effect of season of the year for all groups the animals had longer hair in the winter. For the amount of fur animals had less hair in the summer, an important feature for tropical and subtropical. It is concluded that bulls and cows Marchangus Marchigiana / Marchangus have hair longer than Zebu cows in winter, this being a possible factor important to the Europeans and animals adapt to winter. Zebu cows are nearly twice as many hairs per square inch than the cows and bulls Marchangus Marchigiana and therefore lower the amount of hair should not be a factor that determines the greater adaptation to summer heat. This increased the number of hairs can also be seen in zebu calves through blood and interestingly not in heifers. Finally the diameter of the hair does not seem to be an important factor for better adaptation of the different genetic groups cattle in winter and summer in humid subtropical climate.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/732
Aparece nas coleções:DV - Zootecnia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DV_COZOO_2011_2_13.pdf606,26 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.