Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/7796
Título: Potencial de sequestro de carbono em diferentes materiais genéticos do genero Eucalyptus sp. para a região de Dois Vizinhos - PR
Título(s) alternativo(s): Potential of carbon sequestration in different genetic materials of the genus Eucalyptus sp. for a region of Dois Vizinhos - PR
Autor(es): Lindner, Augusto Arruda
Orientador(es): Brun, Eleandro José
Palavras-chave: Eucalipto
Sequestro de carbono - Dois Vizinhos (Paraná)
Efeito estufa (Atmosfera)
Eucalyptus
Carbon sequestration - Dois Vizinhos (Paraná)
Greenhouse effect, Atmospheric
Data do documento: 7-Dez-2016
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Dois Vizinhos
Referência: LINDNER, Augusto Arruda. Potencial de sequestro de carbono em diferentes materiais genéticos do genero Eucalyptus sp. para a região de Dois Vizinhos - PR. 2016. 29 f. Trabalho de conclusão de curso (Graduação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Dois Vizinhos, 2016.
Resumo: O gênero Eucalyptus sp. é o mais utilizado em florestas plantadas no país, por ter rápido crescimento e diversas finalidades para sua matéria prima, sendo também uma alternativa mitigadora do efeito estufa através do sequestro de carbono via fixação na biomassa das árvores e também no solo. O presente trabalho foi realizado em um talhão experimental com 5 anos de idade, no qual foram amostrados indivíduos de dez materiais genéticos diferentes, selecionados em função do melhor crescimento entre diversos materiais em teste. Após censo florestal, os indivíduos foram distribuídos em 5 classes diamétricas, sendo abatidos um indivíduo por classe, os quais foram cubados e feita a separação e coleta de amostras das frações folha, galhos, casca e madeira do fuste. Após a separação, as frações foram pesadas na floresta e sub-amostradas para secagem em estudo, moagem e análise do teor de carbono orgânico pela metodologia de Yeomans e Bremner. Os teores de carbono variaram, em cada fração, na fração folha varia de 1,31 Mg ha-1 (E. saligna x E. botryoides) até 6,55 Mg ha-1 (E. pellita x E. tereticornis), na fração disco varia de 19,86 Mg ha-1 (clone floração) até 66,41 Mg ha-1 (E. pellita x E. tereticornis), já na fração casca de 3,28 Mg ha-1 (clone floração) até 11,31 Mg ha-1 (E. pellita x E. tereticornis), na fração galho vai de 3,99 Mg ha-1 (E. camaldulensis) até 15,68 Mg ha-1(E. pellita x E. tereticornis). O estoque de carbono na biomassa variou de 28,64 Mg ha-1 (clone floração) até 99,95 Mg ha-1 (E. pellita x E. tereticornis), este último que se mostrou o melhor material genético para o sequestro de carbono na região.
Abstract: The genus Eucalyptus sp. is the most used in forests planted in the country, because it has fast growth and several purposes for its raw material, also being a mitigating alternative to the greenhouse effect through carbon sequestration by tree fixation in the trees biomass and also in the soil. The present paper was realized in an experimental field with 5 years old, in which were sampled individuals of ten different genetic materials, selected in function of better growth among various materials in test. After forest inventory, the individuals were distributed in 5 diametric classes, one individual per class being slaughtered, which were cubed and made the separations and collect of samples of the fraction leaf, twigs, bark and wood fractions of the stem. After the separation, the fractions were weighed in the forest and sub-sampled for the drying in study, milling and analysis of the organic carbon content by the methodology of Yeomans and Bremner. The carbon contents varied, in each fraction, in leaf fraction varies from 1,3 Mg ha-1(E. salignax E. botryoides) until 6,55 Mg ha-1 (E. pellita x E. tereticornis), in the disk fraction varies from 19,86 Mg ha-1 (flowering clone) until 66,41 Mg ha-1 (E. pellita x E. tereticornis), already in the fraction bark from 3,28 Mg ha-1 (clowering clone) until 11,31 Mg ha-1 (E. pellita x E. tereticornis), in the twig fraction it comes from 3,99 Mg ha-1 (E. camaldulensis) until 15,68 Mg ha- 1(E. pellita x E. tereticornis). The carbon stock in the biomass ranged from 28,64 Mg ha-1(flowering clone), The latter showing the best genetic material for carbon sequestration in the region.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/7796
Aparece nas coleções:DV - Engenharia Florestal

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DV_COENF_2016_2_03.pdf759,88 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.