Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/7923
Título: Identificação do potencial eólico para micro e minigeração para o estado do Paraná
Autor(es): Stier, Natália Pianca
Orientador(es): Halmeman, Maria Cristina Rodrigues
Palavras-chave: Energia eólica
Ventos - Velocidade
Geração distribuída de energia elétrica
Wind power
Winds - Speed
Distributed generation of electric power
Data do documento: 20-Jun-2017
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Campo Mourao
Referência: STIER, Natália Pianca. Identificação do potencial eólico para micro e minigeração para o estado do Paraná. 2017. 48 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Campo Mourão, 2017.
Resumo: A transição entre o modelo econômico atual, baseado em fontes energéticas provenientes de combustíveis fósseis, e um modelo sustentável, apoiado em fontes energéticas renováveis vem tomando destaque nos dias atuais. Neste cenário, a matriz energética brasileira se evidencia por resultar principalmente da hidroeletricidade, contudo, diversas questões vêm impedindo sua expansão. Neste contexto, fontes alternativas representam uma possível solução para complementar o fornecimento de energia elétrica. Considerando a importância deste contexto o projeto de pesquisa tem como objetivo mapear o potencial eólico de micro e minigeração para as mesorregiões do estado do Paraná como forma de embasar tecnicamente decisões de diferentes relevâncias para possíveis implantações de pequenas centrais eólicas no estado. A análise do potencial eólico do estado do Paraná, foi realizado a partir dos dados de 24 estações meteorológicas obtidos pelo Banco de Dados Meteorológicos para Ensino e Pesquisa (BDMEP), que é gerenciado pelo Instituto Nacional de Meteorologia – INMET, os dados estavam dispostos na forma diária com intervalo correspondente a 1 hora do período de 2003 à junho de 2016. Com estes dados foi possível identificar a predominância de ventos no estado, a velocidade máxima e a velocidade média, além da geração de mapas temáticos apresentando o potencial eólico para dois tipos de aerogeradores confeccionados por meio do software QGis 2.16. Os resultados mostraram que há predominância de ventos de Leste (L) para a maioria do estado do Paraná, sendo a segunda direção de maior ocorrência Sul (S), seguida de Nordeste (NE). Verificou-se que houve uma dominância de maiores valores de velocidade média e máxima nos meses de setembro, novembro, outubro e agosto, correspondente ao final do inverno, primavera e início do verão e para os dados de potencial eólico, tanto para microgeração quanto para minigeração foi possível comprovar que para o estado do Paraná, a maioria dos meses não apresentaram grande variação em relação aos valores de potência encontrados, no entanto, algumas mesorregiões apresentaram potenciais à serem explorados.
Abstract: The transition between the current economic model, based on fossil fuel energy sources, and a sustainable model, supported by renewable energy sources, has become more important today. In this scenario, the Brazilian energy matrix is evidenced mainly because of hydroelectricity, however, several issues have been preventing its expansion. In this context, alternative sources represent a possible solution to complement the electricity supply. Considering the importance of this context, the research project aims to generate a mapping of the wind potential for the micro and minigeneration to the mesoregions of the state of Paraná as a way to technically base decisions of different relevance for possible implantation of small wind farms in the state. The analysis of the wind power potential of the state of Paraná was carried out from the data of 24 meteorological stations obtained by the Meteorological Database for Teaching and Research (BDMEP), which is managed by the National Institute of Meteorology (INMET), the data was showed with an interval corresponding to 1 hour from the period from 2003 to June 2016. With these data it was possible to identify the predominance of winds in the state, the maximum speed and the average speed, besides the generation of thematic maps presenting the wind potential for two types of wind turbines made using the QGis 2.16 software. The results showed that there is a predominance of East (E) winds for most of the state of Paraná, being the second direction of greatest occurrence South (S), followed by Northeast (NE). It was verified that there was a dominance of higher values of average and maximum velocity in the months of September, November, October and August, corresponding to the end of winter, spring and early summer and for data of wind potential, both for microgeneration and for minigeration it was possible to prove that for the state of Paraná, most of the months did not show great variation in relation to the power values found, however, some mesoregions presented potentials to be explored.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/7923
Aparece nas coleções:CM - Engenharia Ambiental

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
potencialeolicoestadoparana.pdf3,24 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.