Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/8084
Título: A língua na escola: representações discentes sobre a linguagem
Título(s) alternativo(s): The language in school: students’ representations about language
Autor(es): Clein, Paola Talite
Orientador(es): Santos, Márcia Andréa dos
Palavras-chave: Análise do discurso
Linguagem e educação
Análise linguística
Discourse analysis
Language and education
Linguistic analysis (Linguistics)
Data do documento: 30-Jul-2015
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Pato Branco
Referência: CLEIN, Paola Talite. A língua na escola: representações discentes sobre a linguagem. 2015. 49 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Pato Branco, 2015.
Resumo: Este texto apresenta como objetivo analisar as representações linguístico-ideológicas sobre as aulas de português, de alunos do 9º ano de uma escola pública do sudoeste do estado do Paraná. A composição do corpus é baseada em discussões realizadas em aula, numa experiência de pesquisa-ação. A inserção no contexto de pesquisa deu-se em uma aula de português e estudo de texto de literatura popular. Algumas questões norteadoras serviram como exploração inicial do contexto com o auxílio de um estudo do texto poético Aos poetas clássicos do poeta Patativa do Assaré. A fundamentação teórica apresenta conceitos sobre língua/linguagem, variação, preconceito e algumas categorias analíticas da Análise do discurso, como formações discursivas, paráfrase, polissemia, ideologia, sujeito, discurso, dentre outras. Os resultados mostram de modo geral um preconceito ainda existente na escola em relação às variantes da língua portuguesa menos prestigiadas. É importante ressaltar que o ensino normativista da língua, ainda presente, pode explicar a construção ideológica da língua como uma manifestação única que não aceita variação e que dissipa a concepção de certo e errado, um ensino que prima por tentar unificar a língua falada e escrita como uma só, uma norma padrão.
Abstract: This paper presents as an objective to analyze the linguistic-ideological representations about Portuguese classes, of students in 9th grade of a public school in the southwestern state of Paraná. The composition of the corpus is based on discussions in class, a research-action experience. The inclusion in the research context took place in a Portuguese class and popular literature text study. Some guiding questions served as initial exploration of context with the aid of a study of the poetic text Aos poetas clássicos of Patativa do Assaré. The theoretical framework presents concepts about language, variation, prejudice and some analytical categories of Discourse analysis, as discursive formations, paraphrase, polysemy, ideology, subject, speech, among others. The results show, in general, a prejudice that is still present in school in relation to the less prestigious variants of Portuguese. It is important to highlight that the normative teaching of the language, that still occur, may explain the ideological language construction as a single manifestation that does not accept variation and spread the concept of right and wrong, a teaching that tries to unify the spoken and written language as a single thing, a standard procedure.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/8084
Aparece nas coleções:PB - Licenciatura em Letras

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
PB_COLET_2015_1_12.pdf491,57 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.