Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/8230
Título: Desenvolvimento de filmes transparentes condutores baseados em PEDOT
Título(s) alternativo(s): Development of conductive transparent films based on PEDOT
Autor(es): Saccardo, Matheus Colovati
Orientador(es): Cava, Carlos Eduardo
Palavras-chave: Polímeros condutores
Filmes finos
Conducting polymers
Thin films
Data do documento: 29-Mai-2017
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Londrina
Referência: SACCARDO, Matheus Colovati. Desenvolvimento de filmes transparentes condutores baseados em PEDOT. 2017. 61 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Londrina, 2017.
Resumo: O polímero condutor poli (3,4-etilenodioxitiofeno) dopado com ânions de poli (estireno sulfonato) (PEDOT / PSS) é amplamente utilizado em vários dispositivos optoeletrônicos orgânicos como material transportador de buracos. Este polímero, sob certas condições, é transparente, flexível, apresenta boa processabilidade para a formação de filmes, é atóxico e apresenta elevada resistência à degradação.Tem como desvantagem baixa condutividade, sendo, muitas vezes, necessário um tratamento posterior com um material dopante. Neste trabalho, filmes transparentes condutores foram formados pelos métodos de deposição via Spin Coating e Rolo por Rolo. Os filmes formados foram tratados com Dimetil Sulfóxido (DMSO) pelos métodos de Imersão e Spin Coating com o objetivo de verificar a eficácia de cada método e modificar as características físico-químicas dos filmes formados, visando otimizar sua performance eletroquímica. As propriedades ópticas e morfológicas e a condutividade elétrica são reportadas como função do método de deposição e do tratamento com o solvente. Foi comprovado que os filmes formados por ambos os métodos apresentam elevada transparência no espectro visível, elevada condutividade e características morfológicas adequadas para serem utilizados em dispositivos optoeletrônicos. Além disso, o método de deposição via Rolo por Rolo se mostrou promissor para o desenvolvimento de filmes transparentes condutores em larga escala.
Abstract: A conducting polymer poly(3,4-ethylenedioxythiophene) doped with poly(styrene sulfonate) anions (PEDOT/PSS) is widely used in various organic optoelectronic devices as a hole transport material. This polymer, under certain conditions, is transparent, flexible, has good processability for film formation, is non-toxic and exhibits high resistance to degradation. It has a low conductivity disadvantage, and a subsequent treatment with a dopant material is often necessary. In this work, conductive transparent films were formed by deposition methods via Spin Coating and Roll to Roll. The films were treated with Dimethyl Sulfoxide (DMSO) by Immersion and Spin Coating methods to verify the efficacy of each method and to modify the physicochemical characteristics of the formed films, in order to optimize their electrochemical performance. Optical and morphological properties and electrical conductivity are reported as a function of deposition method and solvent treatment. It has been demonstrated that the films formed by both methods present high transparency in the visible spectrum, high conductivity and morphological characteristics suitable for use in optoelectronic devices. In addition, the Roll to Roll deposition method proved to be promising for the development of large scale conductive transparent films.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/8230
Aparece nas coleções:LD - Engenharia de Materiais

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
LD_COEMA_2017_1_11.pdf2,66 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.