Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/8304
Título: Avaliação in vitro do óleo da semente de chia (Salvia hispânica L.) na atividade de enzimas antioxidantes em ratos
Título(s) alternativo(s): In vitro evaluation of chia seed oil (Salvia hispânica L.) on the activity of the enzyme hepatic acetylcholinesterase
Autor(es): Souza, Letícia de
Orientador(es): Ineu, Rafael Porto
Palavras-chave: Neurotransmissores
Enzimas
Óleos vegetais
Neurotransmitters
Enzymes
Vegetable oils
Data do documento: 28-Nov-2017
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Campo Mourao
Referência: Souza, Letícia de. Avaliação in vitro do óleo da semente de chia (Salvia hispânica L.) na atividade de enzimas antioxidantes em ratos. 2017. 31 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Campo Mourão, 2017.
Resumo: Os neurônios colinérgicos estão relacionados a importantes funções neurológicas que são prejudicadas nos casos de deficiência na secreção do neurotransmissor acetilcolina (ACh), um dos primeiros neurotransmissores descobertos e amplamente difundido no Sistema Nervoso Central (SNC). A ação da ACh é interrompida quando a mesma é hidrolisada pela enzima acetilcolinesterase (AChE), presente na fenda sináptica. Sabe-se que o Ômega-3 têm ajudado na redução de triacilglicerol e apresenta efeito benéfico em relação a doenças coronárias, hipertensão, desordens inflamatórias, câncer, artrite, depressão, mal de Alzheimer. Dentre os alimentosnutraceuticos consumidos atualmente encontra-se a chia (Salvia hispanica L.), uma semente com consideráveis ações benéficas ao organismo humano.A semente de chia apresenta em seu conteúdo o ácido linolênico (Ômega-3) entre 60 e 68% da sua composição. Portanto, o objetivo deste trabalho foi analisar a modulação causada pelo óleo extraído de semente de chia na atividade enzimática in vitro de AChE, da butirilcolinesterase (BChE) e da glutationa-S-transferase (GST), em fígado e rim de ratos mediante diferentes concentrações de óleo de chia. A avaliação foi conduzida pelo método espectrofotométrico Ellman, com algumas adaptações. A mistura contém ácido 5'-5'-ditiobis (ácido 2-nitrobenzóico) (DTNB) 1,04 mM, tampão fosfato de potássio 24 mM pH = 7,2 e a amostra (fonte de AChE). O meio foi pré-incubado durante 2 minutos a 25°C e depois adicionou-se 0,83 mM de acetiltiocolina (ASCh). Foram utilizados 0μL; 10μL; 20μL; 30μL e 50μL de óleo de chia, os resultados obtidos para as diferentes concentrações de óleo de chia mostraram que somente quando utilizado 10 μL de óleo de chia houve uma inibição na atividade da AChE. Para a atividade da GST, foram utilizados 0μL; 50μL; 75μL e 100μL de óleo de chia e observou-se uma inibição significativa somente em 75uL do óleo da semente de chia.A partir dos resultados obtidos pode-se concluir que o óleo da semente de chia modula as enzimas antioxidantes.
Abstract: Cholinergic neurons are related to important neurological functions that are impaired in cases of deficiency in the secretion of the neurotransmitter acetylcholine (ACh), one of the first neurotransmitters discovered and widely diffused in the Central Nervous System (CNS). The action of AChis interrupted when it is hydrolyzed by the enzyme acetylcholinesterase (AChE), present in the synaptic cleft. It is known that omega-3 has helped in the reduction of triacylglycerol and has a beneficial effect in relation to coronary diseases, hypertension, inflammatory disorders, cancer, arthritis, depression, Alzheimer's disease. Among the nutraceutical foods currently consumed is chia (Salvia hispanica L.), a seed with considerable beneficial actions to the human organism. The chia seed presents in its content linolenic acid (Omega-3) between 60 and 68% of its composition. Therefore, the objective of this work is to analyze the modulation caused by chia seed oil in the in vitro enzymatic activity of AChE, butyrylcholinesterase (BChE) and glutathione-S-transferase (GST) in liver and rat kidney by different concentrations of chia oil. The evaluation was conducted by the Ellman spectrophotometric method, with some adaptations. The mixture contains 1.04 mM 5'-5'-dithiobis (2-nitrobenzoic acid) (DTNB), 24 mM potassium phosphate buffer pH = 7.2 and the sample (AChE source). The medium was preincubated for 2 minutes at 25 ° C and then 0.83 mMacetylthiocholine (ASCh) was added. 0μL were used; 10μL; 20μL; 30μL and 50 μL of chia oil, the results obtained for the different concentrations of chia oil showed that only when 10 μl of chia oil was used there was an inhibition of AChE activity. For GST activity, significant inhibition was observed only in 75 ul of chia seed oil. Therefore, from the results obtained it can be concluded that the chia seed oil modulates the antioxidant enzymes.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/8304
Aparece nas coleções:CM - Tecnologia em Alimentos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
oleochiaenzimasratos.pdf708,72 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.