Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/8464
Título: Análise de desempenho sobre camadas de persistência em banco de dados relacional e não-relacional
Título(s) alternativo(s): Performance analisys of the persistence layer in relational and non-relational databases
Autor(es): Lima, Jociane Franzoni de
Moura, Lucas Penha de
Orientador(es): Bueno, Paulo Roberto
Palavras-chave: Banco de dados
Banco de dados não relacionais
Estudos de viabilidade
Armazenamento de dados
Engenharia de software
Computação
Data bases
Non-relational databases
Feasibility studies
Data Warehousing
Software engineering
Computer science
Data do documento: 8-Dez-2017
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Curitiba
Referência: LIMA, Jociane Franzoni de. MOURA; Lucas Penha de. Análise de desempenho sobre camadas de persistência em banco de dados relacional e não-relacional. 2017. 85 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Engenharia de Computação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Curitiba, 2017.
Resumo: Os bancos de dados não-relacionais (NoSQL) vieram ao mercado como solução para problemas que necessitam de grande escalabilidade e disponibilidade em banco de dados. Este paradigma de armazenamento de dados é capaz de proporcionar grande desempenho em armazenamento de dados em grande escala. É por esta razão que vem crescendo muito o uso deste tipo de banco de dados em aplicações corporativas. Identifica-se atualmente uma demanda de aplicações que testem a viabilidade de migração de sistemas de um banco de dados relacional para um NoSQL e com isso verificar o desempenho em termos de tempo de realização de operações sobre os dois paradigmas distintos, verificando a vantagem ou não desta migração, além da análise de complexidade de implementação para esta migração. A motivação para a realização deste projeto é auxiliar a comunidade desenvolvedora a verificar a eficiência e facilidade de migração entre bancos com paradigmas distintos de armazenamento sem que tenha necessidade de reescrita do código, visando economia de tempo e custos. O objetivo deste projeto é testar a camada de persistência para bancos de dados relacionais e não-relacionais, visando identificar a viabilidade da migração entre bases de dados em sistemas legados. O projeto utilizou dois bancos de dados específicos, MySQL (relacional) e MongoDB (NoSQL) executando sobre uma arquitetura centralizada. A metodologia utilizada neste projeto foi a espiral, na qual repete-se os passos de pesquisa, implementação, testes e análise, até que os resultados finais sejam os especificados. Foi desenvolvido inicialmente uma aplicação destinada para executar sobre um banco de dados relacional, como a maior parte dos sistemas corporativos existentes, utilizando camada de persistência para realizar as operações sobre este banco. Após esta etapa foi realizado a conexão com um banco de dados NoSQL, sem modificar o código do software. A única modificação realizada foi na camada de persistência para realizar operações sobre o novo banco. Ao verificar que a camada de persistência consegue lidar com os dois paradigmas de armazenamento de dados totalmente distintos, foram realizados testes para verificar se além de suportar esta migração a camada de persistência é capaz ou não de manter um desempenho satisfatório,com isto foi feita uma análise da extração de resultados destes testes para também verificar a vantagem ou não desta migração por meio de camadas de persistência dando enfoque no desempenho.
Abstract: Non-relational databases emerged as a solution to problems that need great scalability and availability to store data. This data storage paradigm is capable to provide great performance in data storage large scale. For this reason, the use of this paradigm has grown a lot in corporate applications. Nowadays there is a demand for systems migrations feasibility testing applications from relational to non-relational databases to verify the performance of the two distinguished data storage paradigm, verifying the advantage of this migration, besides the feasibility of implementation time and complexity for this migration. The motivation to execute this project is to help the developers community to verify the efficiency ans easiness of the migration between databases with different data store paradigms without the need to rewrite the source code, aiming to save time and costs. The objective of this project is to test the persistence layer for the relational and non-relational databases to identify the viability of migration between database in legacy systems. The methodology used in this project was the spiral, in which repeats the search, implementation, tests and analysis steps until the results are as specified. An application was initially developed to run on a relational database, such as most existing corporate systems, using the persistence layer to perform operations in the initial database. After this step, was performed a connection with a non-relational database without modifying the software code. The only change was made in the persistence layer, so it can perform operations in the new database. When verifying that the persistence layer is able to handle the two storage paradigm, tests were performed to verify if the persistence layer is able to maintain a satisfactory performance with the new database. An analisys was made with the data generated in the tests to verify the viability to migrate databases with diferents paradigms only changing the persistence layer with a focus on performance.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/8464
Aparece nas coleções:CT - Engenharia de Computação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CT_COENC_2017_2_9.pdf1,26 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.