Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/8761
Título: Análise da qualidade ambiental da área urbana do município de Peabiru - PR
Autor(es): Bilmayer, Ana Flávia
Orientador(es): Mezzomo, Maristela Denise Moresco
Palavras-chave: Indicadores ambientais
Cobertura dos solos
Qualidade ambiental
Environmental indicators
Mulching
Environmental quality
Data do documento: 27-Nov- 17
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Campo Mourao
Referência: BILMAYER, Ana Flávia. Análise da qualidade ambiental da área urbana do município de Peabiru – PR. 2017. 57 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Campo Mourão, 2017.
Resumo: Os processos de urbanização e industrialização vivenciados a partir do século XX assumiram uma velocidade intensa de crescimento, que desencadearam problemas ambientais na paisagem urbana. Neste sentido, o Planejamento da Paisagem surge como uma ferramenta de estudo da degradação ambiental buscando, por meio do planejamento e gestão, atender as necessidades de conservação da natureza e das pessoas tendo em vista melhorar a qualidade ambiental. Considerando que os indicadores ambientais são construídos a fim de prover informações visando melhorar a qualidade de vida em dimensão social e ambiental, este trabalho teve como objetivo analisar a qualidade ambiental da área urbana do município de Peabiru – PR, a partir da aplicação de indicadores de cobertura da terra e salubridade ambiental. Para o indicador de cobertura da terra foi empregada uma legenda classificatória que tem como foco principal o mapeamento da cobertura vegetal e dos espaços edificados, desenvolvida metodologicamente por Valaski (2013), Nucci, Ferreira e Valaski (2014) e Ferreira (2015). O Indicador de Salubridade Ambiental (ISA/Peabiru) foi determinado a partir da metodologia proposta por São Paulo (1999) e Batista (2005), analisando quali-quantitativamente o desempenho dos serviços de abastecimento de água, esgotamento sanitário, resíduos sólidos e drenagem urbana. A partir do processamento e correlação de dados de ambos indicadores, foi possível determinar a qualidade ambiental da área de estudo. Utilizou-se o software QGIS para a elaboração de mapas temáticos de cobertura da terra, salubridade ambiental e qualidade ambiental urbana, todos elaborados considerando as informações disponibilizadas pelo último censo do Instituto Brasileiro e Geografia e Estatística (2010) por setores censitários. A distribuição das classes de cobertura evidenciou que os espaços edificados totalizam 47,6% da área de estudo, os espaços não edificados constituem 17,2%, destes, apenas 1% corresponde a espaços verdes públicos. As áreas destinadas ao tráfego somam 18,5%, enquanto que, outras áreas inteiram 16,6%, evidenciando a existência de classes de cobertura da terra que pouco contribuem com a qualidade ambiental. O ISA revelou que apenas 1 setor do município foi classificado com situação de salubridade ambiental média, todos os outros 13 setores foram enquadrados como baixa salubridade, devido, principalmente, a ausência de rede de coleta e tratamento de esgoto e, ainda, à disposição final inadequada de resíduos sólidos, evidenciando a carência de infraestrutura considerada básica. As análises referentes a qualidade de ambientes urbanos fornecem resultados para a tomada de decisão por gestores públicos, a fim de nortear ações de planejamento urbano que promova qualidade de vida à população, harmonizando e valorizando a utilização dos elementos da natureza.
Abstract: The urbanization and industrialization processes experienced since the twentieth century expanded intense, take over many environmental issues in the urban landscape. With this in mind, Landscape Planning comes up as a tool to study environmental degradation, seeking, through planning and management, meet the needs of nature conservation and people with a view to improving environmental quality. Considering that the environmental indicators are constructed to provide information for better quality of life in social and environmental dimension, this work aimed to analyze the environmental quality of the urban area of the municipality of Peabiru - PR, by the indicators application of land cover and environmental salubrity. For the land cover indicator, a classificatory legend was used, whose main focus was the mapping of vegetation cover and built areas, it was methodologically developed by Valaski (2013), Nucci, Ferreira and Valaski (2014) and Ferreira (2015). The Environmental Salubrity Indicator (ISA/Peabiru) was determined using the methodology proposed by São Paulo (1999) and Batista (2005), analyzing the qualitatively and quantitatively performance of water supply, sanitary sewage, solid waste and urban drainage services. By the processing and correlation of both indicators data, it was possible to determine the environmental quality of the study area. The QGIS software was used for the elaboration of thematic maps of land cover, environmental salubrity and urban environmental quality, all elaborated considering the information provided by the last census of the Brazilian Institute and Geography and Statistics (2010) by census tracts. The distribution of coverage classes showed that the built areas account for 47.6% of the study area, the no build areas constitute 17.2%, of which only 1% corresponds to public green areas. The areas destined to traffic totaled 18.5%, while other areas accounted for 16.6%, evidencing the existence of land cover classes that contributed little to environmental quality. The ISA revealed that only one sector of the municipality was classified as having a medium environmental salubrity situation, all other thirteen sectors were classified as low salubrity, mainly due to the absence of a collection and sewage treatment network and to inadequate disposal of solid waste, evidencing lack of infrastructure considered basic. The analyzes concerning the quality of urban environments provide results for decision making by public managers, in order to guide urban planning actions that promote quality of life to the population, harmonizing and valuing the use of the nature elements.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/8761
Aparece nas coleções:CM - Engenharia Ambiental

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
analisequalidadeambientalpeabiru.pdf2,34 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.