Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/8818
Título: Avaliação da biodegradação da solução residual da coloração de Gram por basidiomicetos
Título(s) alternativo(s): Evaluation of biodegradation of residues from Gram staining by basidiomycetes
Autor(es): Capille, Mônica Regina de Lima
Orientador(es): Soares, Marlene
Palavras-chave: Corantes
Degradação ambiental
Biodegradação
Basidiomicetos
Adsorção
Microbiologia
Colorings matter
Environmental degradation
Biodegradation
Basidiomycetes
Adsorption
Microbiology
Data do documento: 1-Dez-2017
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Curitiba
Referência: CAPILLE, Mônica Regina de Lima. Avaliação da biodegradação da solução residual da coloração de Gram por basidiomicetos. 2017. 69 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Tecnologia em Processos Ambientais) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Curitiba, 2017.
Resumo: Corantes e seus resíduos causam inúmeros problemas ambientais quando são inadequadamente dispostos no meio ambiente. Esse estudo avaliou a biodegradação de uma solução residual da coloração de Gram (SRCG) com diferentes espécies de basidiomicetos. Essa técnica de coloração é usada na caracterização de bactérias em laboratórios de Microbiologia. A pesquisa foi dividida em quatro etapas. Na primeira buscou-se avaliar se a adição de nutrientes nos meios de cultivo com corantes favoreceria ou não a biodegradação. Para isso, nove basidiomicetos foram cultivados em placas de Petri em meios contendo 6,25% da SRCG, solidificados com ágar ou ágar batata dextrose. Foi observado que a concentração do corante não inibiu significativamente o crescimento microbiano e que a suplementação de nutrientes favoreceu a descoloração do meio. No segundo ensaio foi avaliado o efeito do aumento da concentração do corante sobre o crescimento fúngico, expondo os basidiomicetos a 6,25%, 12,5%, 25% e 50% de SRCG. Foi observado que com 50% e 25% da concentração ocorreu à inibição o crescimento microbiano, indicando a toxicidade da solução. Nesse estudo o fungo Pleurotus ostreatus foi escolhido para estudos em meio líquido, a partir da análise estatística dos dados. O terceiro estudo ocorreu através de um delineamento fatorial completo 23. Os fatores estudados foram: cultivo estático ou agitado, adição ou não de casca de arroz, adição de glicose nas concentrações de 10 e 20 g/L. Através do acompanhamento da descoloração por UV-Vis e da concentração de fenólicos pelo método de Folin- Ciocalteau, observou-se que a melhor condição foi com glicose 20 g/L, sem agitação e sem adição de casca de arroz, resultando na descoloração de 96,5% e remoção de fenóis 97,8%. A análise Cinética da biodegradação indicou que até no terceiro dia do experimento com o P. ostreatus houve atividade microbiana intensa, com o consumo de glicose e remoção simultânea de cor (67%) e de compostos fenólicos de 1456,3 mg GAE/g para 8,7 mg GAE/g. Contudo, observou-se que a descoloração do meio pode ter ocorrido sob forte influência de processos de adsorção do corante no micélio fúngico.
Abstract: Dyes and their residues cause numerous environmental problems when they are improperly disposed of in the environment. This study evaluated the biodegradation of a residual solution of Gram staining (SRCG) with different basidiomycete species. This staining technique is used in the characterization of bacteria in Microbiology laboratories. The research was divided into four stages. In the first one, it was tried to evaluate if the addition of nutrients in the media of culture with dyes would favor or not the biodegradation. For this, nine basidiomycetes were cultured in Petri dishes in media containing 6.25% of SRCG, solidified with agar or potato dextrose agar. It was observed that the concentration of the dye did not significantly inhibit the microbial growth and that the nutrient supplementation favored the discoloration of the medium. In the second assay the effect of increasing the concentration of the dye on the fungal growth was evaluated, exposing the basidiomycetes to 6.25%, 12.5%, 25% and 50% of SRCG. It was observed that with 50% and 25% of the concentration the inhibition occurred the microbial growth, indicating the toxicity of the solution. In this study the Pleurotus ostreatus fungus was chosen for studies in liquid medium, based on the statistical analysis of the data. The third study was carried out through a complete factorial design 23. The factors studied were: static or agitated cultivation, addition or absence of rice husk, addition of glucose at concentrations of 10 and 20 g / L. By following the UV-Vis discolouration and the phenolic concentration by the Folin-Ciocalteau method, it was observed that the best condition was 20 g / L glucose, without agitation and without addition of rice husk, resulting in discoloration of 96.5% and removal of phenols 97.8%. Kinetic analysis of biodegradation indicated that up to the third day of the experiment with P. ostreatus there was intense microbial activity, with glucose consumption and simultaneous removal of color (67%) and phenolic compounds from 1456.3 mg GAE / g for 8.7 mg GAE / g. However, it has been observed that the discoloration of the medium may have occurred under strong influence of dye adsorption processes on the fungal mycelium.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/8818
Aparece nas coleções:CT - Tecnologia em Processos Ambientais

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CT_COAMB_2017_2_2.pdf2,31 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.