Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/8968
Título: Avaliação dimensional das cadeiras e das mesas para escritório disponíveis para comercialização no Brasil com base na norma regulamentadora 17
Autor(es): Paris, Otávio Augusto Courbassier
Orientador(es): Izzo, Ronaldo Luis dos Santos
Palavras-chave: Ergonomia
Mobiliário
Antropometria
Mesas
Cadeiras
Segurança do trabalho
Human engineering
Furniture
Anthropometry
Tables
Chairs
Industrial safety
Data do documento: 19-Abr-2017
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Curitiba
Referência: PARIS, Otávio Augusto Courbassier Paris. Avaliação dimensional das cadeiras e das mesas para escritório disponíveis para comercialização no Brasil com base na norma regulamentadora 17. 2017. 60 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização em Engenharia de Segurança do Trabalho) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Curitiba, 2017.
Resumo: O presente estudo tem como objetivo avaliar a dimensão das mesas e cadeiras de trabalho atualmente existentes no mercado com base na norma regulamentadora 17, correlacionar com as percepções dos trabalhadores e identificar possíveis posturas ergonomicamente prejudiciais à saúde decorrentes de mesas e cadeiras impróprias para a estatura do trabalhador. Para a realização deste estudo foi aplicada a seguinte metodologia: entrevista com 13 trabalhadores de setores administrativos, aplicação do diagrama de regiões doloridas, observações do posto de trabalho, pesquisa online com 204 trabalhadores de diversas empresas e segmentos, pesquisa em lojas físicas e online de mesas e cadeiras atualmente disponíveis no mercado, medições dimensionais de amostra das mesas e cadeiras comercializadas no Brasil e comparação das normas NR17, NBR 13962 e NBR 13966 com medidas de proporções antropométricas disponíveis na literatura. A maioria das cadeiras comercializadas atendem às normas comparadas, porém as mesas, mesmo dentro das normas NBR 13962 e NBR 13966, representam a uma pequena porcentagem da população analisada se comparada com as proporções antropométricas citadas na literatura. Foram feitas sugestões para a melhoria dos mobiliários analisados para atendimento a NR 17 e, consequentemente, para a saúde e bem-estar do trabalhador.
Abstract: This study aims to evaluate the commercialized office desks and chairs available in Brazil based on the regulatory standard number 17, correlate with the perception of the workers and identify possible ergonomically harmful postures due to office desks and chairs that are improper to the worker stature. In order to carry out this study, the following methodology was applied: informal interview with 13 employees from administrative areas, application of the diagram of painful regions, Workplace observations, online research with 204 workers from various companies and segments, research in physical and online stores of office desk and office chairs currently available in the Brazilian market, Dimensional measurements of the sample of the office tables and office chairs commercialized in Brazil and Comparing NR17, NBR 13962 and NBR 13966 with measures of anthropometric proportions available in the literature. The majority of seats traded meet the standards compared with, but the tables, even within standards NBR 13962 and NBR 13966, represent a small percentage of the population analyzed compared to the anthropometric ratios cited in the literature. Suggestions were made for the improvement of the furniture analyzed for NR 17 and for the health and wellbeing of the worker.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/8968
Aparece nas coleções:CT - Engenharia de Segurança do Trabalho

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CT_CEEST_XXXIII_2017_33.pdf1,58 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.