Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/8987
Título: Utilização de wetlands construídos no tratamento de águas residuais: uma visão geral
Título(s) alternativo(s): Use of constructed wetlands in the wastewater treatment: an overview
Autor(es): Rodrigues, Maria Marta Vaz Zanoni
Orientador(es): Passig, Fernando Hermes
Palavras-chave: Ecologia dos alagadiços
Águas residuais
Águas residuais - Purificação
Wetland ecology
Sewage
Sewage - Purification
Data do documento: 5-Set-2016
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Curitiba
Referência: RODRIGUES, Maria Marta Vaz Zanoni. Utilização de wetlands construídos no tratamento de águas residuais: um visão geral. 2016. 61 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Tecnologia em Processos Ambientais) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Curitiba, 2016.
Resumo: O tratamento de águas residuárias por meio de wetlands construídos, Sistemas Alagados Construídos (SACs) ou Filtros Plantados com Macrófitas (FPM), teve início na Alemanha, na década de 50. No Brasil, teve início em 1980, tendo grande aumento nas pesquisas a partir de 1990. Há diversas modalidades de wetlands construídos: de fluxo superficial livre (com plantas flutuantes, submersas ou emergentes); de fluxo subsuperficial (horizontal ou vertical), ou híbridos. Cada modalidade apresenta diferentes variáveis envolvidas na elaboração desses sistemas, os quais necessitam ser adequados a cada caso. O objetivo geral desse trabalho foi realizar um levantamento da bibliografia pertinente em artigos nacionais e internacionais, a fim de fornecer subsídios à aplicação dos wetlands no tratamento de efluentes avaliando sua eficiência caso a caso. Para efeito de comparação foram destacadas as seguintes variáveis: características físicas locais, tipo do efluente tratado, tipo de fluxo, macrófitas aquáticas utilizadas, número de indivíduos plantados por metro quadrado, meio suporte e tempo de detenção hidráulico. Para se atender ao objetivo proposto foram utilizadas várias revisões da literatura, a fim de se obter uma tabela de classificação dos wetlands construídos estudados por meio das variáveis citadas, cuja finalidade será a tomada de decisão de sua utilização ou não.
Abstract: The wastewater treatment through constructed wetlands, began in Germany in the 50s. In the Brazil the systems began in 1980, with large increases in research since 1990. There are several types of constructed wetlands: Free Surface Flow (floating, submerged or emergent plants); Subsurface Flow (horizontal or vertical), or Hybrid. Each one has different variables involved in the development of these systems, which need to be adapted to each case. The aim of this study was to survey the relevant literature in national and international articles in order to provide subsidies for the implementation of wetlands in wastewater treatment, evaluating their effectiveness in each case. For comparison, the following variables were analyzed: local characteristics, the effluent type, flow, aquatic plants, number of individuals planted per square meter, substrates, and hydraulic retention time (HRT). A review of the literature was used in order to obtain a ranking of constructed wetlands studied through the mentioned variables, to people making the decision to use this treatment or other.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/8987
Aparece nas coleções:CT - Tecnologia em Processos Ambientais

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CT_COAMB_2016_2_1.pdf2,99 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.