Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/918
Título: Metodologia analítica para identificação de heptacloro
Autor(es): Grolli, Vinícius Gabriel
Orientador(es): Oldoni, Tatiane Luiza Cadorin
Palavras-chave: Pesticidas - Aspectos ambientais
Toxicologia ambiental
Pesticides - Environmental aspects
Environmental toxicology
Data do documento: 19-Abr-2013
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Pato Branco
Referência: GROLLI, Vinícius Gabriel. Metodologia analítica para identificação de heptacloro. 2013. 44 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Pato Branco, 2013.
Resumo: O uso clandestino de pesticidas vem contaminando os esgotos urbanos. O lodo é um problema de logística no pós tratamento de esgotos urbanos e industriais. A disposição agrícola – uso como adubo – deste biossólido rico em carbono, nitrogênio e micronutrientes oriundos da alta carga de orgânica é uma solução utilizada para sua disposição final. O heptacloro, da classe dos poluentes orgânicos persistentes que é lipofílico e sofre bioacumulação, é um dos possíveis contaminantes deste lodo. Neste contexto, o objetivo deste estudo foi desenvolver uma metodologia analítica, utilizando a técnica de cromatografia gasosa acoplada ao espectrômetro de massas, para determinar o pesticida heptacloro em lodo de esgoto, utilizando como padrão interno o decaclorobifenil. Para a identificação do padrão decaclorobifenil foi obtido o coeficiente de correlação linear 0,9945 para a equação de reta y=10-4x - 0,995. Foi realizado um teste de recuperação em duplicata pela contaminação da amostra com 1 mL do decaclorobifenil na concentração de 130 μg/mL e extração por 3 minutos com hexano:propanona [1:1] em ultrassom, obtendo recuperações de 84 e 92%.
Abstract: The clandestine use of pesticides has been contaminating the urban sewage. The sludge is a problem of logistics in the post treatment of urban and industrial. The provision of agriculture - use as fertilizer - this biosolids rich in carbon, nitrogen and micronutrients derived from the high organic load is a solution used for final disposal. The heptachlor, class of persistent organic pollutants that are lipophilic and bioaccumulate, is one of the possible contaminants this sludge. In this context, the aim of this study was to develop an analytical methodology, using the technique of gas chromatography coupled with mass spectrometry to determine the pesticide heptachlor in sewage sludge, using as the standard interoperable decaclorobifenil. To identify the pattern decaclorobifenila was obtained linear correlation coefficient of 0.9945 for the equation line y = 4x-10 - 0,995. We carried out a recovery test for contamination of the sample with 1 mL of decaclorobifenila to 130 ppm for 3 minutes and extraction with hexane: propanone [1:1] or ultrasonic obtain recoveries of 84 and 92%.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/918
Aparece nas coleções:PB - Química

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
PB_COQUI_2012_2_11.pdf1,58 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.