Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/9271
Título: Muleta híbrida de baixo custo
Título(s) alternativo(s): Hybrid crutches of low cost
Autor(es): Ferraz, Rômulo Henrique Diniz
Orientador(es): Rodrigues, Fabio Rodrigo Mandello
Palavras-chave: Tecnologia de reabilitação
Projeto de produto
Materiais compostos
Rehabilitation technology
Product design
Composite materials
Data do documento: 15-Nov-2017
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Pato Branco
Referência: FERRAZ, Rômulo Henrique Diniz. Muleta híbrida de baixo custo. 2017. 55 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Pato Branco, 2017.
Resumo: Este trabalho apresenta a justificativa da escolha para a aplicação de bambu em muletas, visando reduzir o custo do produto para torna-lo mais acessível para populações carentes. As muletas são componentes auxiliares para a locomoção de pessoas, as quais apresentam algum tipo de necessidade física, e dependendo do tipo da necessidade o uso destes componentes podem variar de curto a longo prazo. As utilizações das muletas para locomoção apresentam diversas vantagens, quando comparadas a cadeira de rodas, trazendo benefícios para a saúde sendo físicos e até mesmo mentais. As muletas tradicionais utilizam materiais como alumínio e madeira em sua composição, porém estes materiais tornam estes componentes com um custo elevado, tornando-o então restrito a pessoas de baixa renda. Logo, o objetivo deste trabalho foi encontrar um material que atendesse as restrições do componente e reduzisse o custo do mesmo, devido ao seu baixo custo. Sendo assim, foi selecionado o bambu como um substituto, devido a sua ampla existência, sustentabilidade e resistência. Logo, foram realizados dois procedimentos para a comprovação deste material, sendo a seleção do material através da aplicação das cartas de Ashby e a simulação do componente através do Inventor ® 2017. Os quais comprovaram o atendimento das restrições através das cartas de Ashby e a eficiência deste material quando submetido aos esforços simulados.
Abstract: This paper presents the justification of the choice for the application of bamboo on crutches, in order to reduce the cost of the product aiming to make it more accessible to poor populations. Crutches are auxiliary components for locomotion of people which have some kind of physical need. Depending on the type of need of these people, the use of those components may vary from short to long term. The uses of the crutches for locomotion present several advantages when compared to the wheelchair. It can bring health benefits being physical and even mental. Traditional crutches are usually made of aluminum and wood, but these materials make these components costly. So, it becomes restricted to low-income people. Therefore, the objective of this work was to find a material that would meet the constraints of the component and reduce its cost. And, it can make the component with low-cost as well. The choice of bamboo as a substitute material had some reasons, like: its wide existence, sustainability and resistance. And, to prove this choice two procedures were performed. The first one were based in material selection through Ashby’s chats. And the final one was used a simulation of the component through Inventor ® 2017. As a result, this methods proved the compliance with the restrictions through the Ashby’s charts and the efficiency of this material when submitted to the simulated efforts.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/9271
Aparece nas coleções:PB - Engenharia Mecânica

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
PB_DAMEC_2017_2_29.pdf1,76 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.