Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/9669
Título: Avaliação química da lagoa de amortecimento após acidente na região industrial da cidade de Ibiporã-PR
Título(s) alternativo(s): Chemical evaluation of a damping lake after accident in the industrial area of the city of Ibiporã-PR
Autor(es): Anjos, Luiz Carlos Giachello dos
Orientador(es): Silva, Alessandra Furtado da
Palavras-chave: Poluição ácida de rios, lagos, etc
Monitorização ambiental
Água - Análise
Acid pollution of rivers, lakes, etc
Environmental monitoring
Water - Analysis
Data do documento: 30-Jun-2015
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Londrina
Referência: ANJOS, Luiz Carlos Giachello dos . Avaliação química da lagoa de amortecimento após acidente na região industrial da cidade de Ibiporã-PR. 2015. 80 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Londrina, 2015.
Resumo: Na madrugada do dia 20 de agosto de 2014 ocorreu explosão seguida de incêndio em uma das indústrias, localizada no parque das indústrias na cidade de Ibiporã, BR 369. O acidente provocou vazamento de ácidos que alcançaram um lago causando grande mortandade de peixes. Após esse acidente a indústria monitorou alguns parâmetros físico químicos, como o pH, que chegou a um valor de aproximadamente a zero. Neste trabalho foram realizadas análises da água do lago no próprio local, em diferentes profundidades (20 cm da superfície, na coluna d´água e próximo ao sedimento) com auxílio de equipamentos portáteis e barco, tendo como finalidade avaliar alguns parâmetros como pH, Oxigênio Dissolvido, Temperatura, Condutividade. As análises de Alcalinidade e a Dureza foram realizadas em laboratório em um período máximo de 48 horas após a coleta. Os resultados das análises se mostraram satisfatórios de acordo com a resolução vigente nº 357/05 do CONAMA. No entanto, a condutividade, apesar de não haver legislação específica que determina os valores máximos permitidos, apresentou valores maiores que 100 μS. cm-1, indicando possivelmente um ambiente impactado. Também foram realizadas coletas de amostras de solo, água e sedimento para avaliação de pH do solo e dos metais como Cromo, Chumbo, Manganês, Cobre e Zinco nas amostras de água e sedimento por espectrometria de absorção atômica com atomização por chama. Os valores encontrados para Zinco e Cobre no sedimento do lago estiveram acima dos limites máximos permitidos pelo CONAMA 344/04, indicando contaminação por atividade industrial. O valor encontrado para Manganês nas amostras de sedimento, apesar de não constar no CONAMA, encontrou-se em concentrações poluentes para o meio ambiente. A concentração dos metais nas amostras de água, com exceção do cobre, esteve dentro dos limites estabelecidos pelo CONAMA. Os metais Chumbo e Cromo foram encontrados abaixo do limite de detecção da técnica. Em relação à análise de pH das amostras de solo, os resultados obtidos não apresentaram um solo ácido, mesmo no caminho percorrido pelo vazamento de ácido. As medidas adotadas pela indústria para remediação do local impactado pelo acidente têm auxiliado na recuperação do meio ambiente. No entanto, esse tipo de acidente deve ser evitado através de instalações industriais adequadas e com treinamento de recursos humanos na prevenção de acidentes, pois nem sempre é possível recuperar o meio ambiente dos danos causados pelas atividades antrópicas.
Abstract: On the morning of August 20, 2014 explosion and fire occurred in one of the industries located in the park of the industries in the city of Ibiporã, BR 369. The accident caused leak acids that reached a lake causing large fish kills. After this accident the industry has monitored some physical-chemical parameters such as pH, which reached a value of approximately zero. In this work the lake water analyzes were carried out on site at different depths (20 cm from the surface, the water column and sediment near) with the help of portable and boat, with the purpose to evaluate parameters such as pH, oxygen dissolved, temperature, conductivity. Analyses of alkalinity and hardness were carried out in the laboratory in a maximum of 48 hours after collection. The test results were satisfactory in accordance with current resolution No. 357/05 of CONAMA. However, conductivity, although there is no specific legislation that determines the maximum allowable values, showed values greater than 100 μS. cm-1, indicating possibly an impacted environment. Collection of soil samples, water and sediment were performed for soil pH evaluation and metals such as Chromium, Lead, Manganese, Copper and Zinc in samples of water and sediment by atomic absorption spectrometry with flame atomization. The values found for zinc and copper in lake sediments have exceeded the maximum extent permitted by CONAMA 344/04, indicating contamination by industrial activity. Although not included in CONAMA, the value found for Manganese on sediment samples reached pollutant concentrations in the environment. The concentration of metals in water samples, with the exception of copper, was within the limits set by CONAMA. The lead and chromium metals were found below the detection limit of the technique. Regarding the pH analysis of soil samples, the results did not show an acid soil, even in the path taken by the acid leak. The measures adopted by the industry for remediation of the site affected by the accident have aided in the recovery of the environment. However, this type of accident should be avoided by appropriate industrial facilities and training of human resources in the prevention of accidents, it is not always possible to recover the environmental damage caused by human activities.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/9669
Aparece nas coleções:LD - Licenciatura em Química

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
LD_COLIQ_2015_1_02.pdf2,12 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.