Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/3568
Título: Análise das macrozonas do plano diretor do município de Cascavel – Paraná: aspectos físicos e de gestão
Autor(es): Vieira, Tiago Aparecido Perez
Orientador(es): Ferreira, José Hilário Delconte
Palavras-chave: Planejamento estratégico
Administração municipal
Solo - Uso
Zoneamento
Strategic planning
Municipal government
Land use
Zoning
Data do documento: 7-Mar-2014
Editor: Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Câmpus: Campo Mourao
Referência: VIEIRA, Tiago Aparecido Perez. Análise das macrozonas do plano diretor do município de Cascavel – Paraná: aspectos físicos e de gestão. 2014. 71 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) – Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Campo Mourão, 2014.
Resumo: O desenvolvimento urbano e rural depende intimamente de planejamento e gestão rigorosamente embasados, entre outros pontos, na potencialidade do solo e vocação municipal. Deste modo, para compreender a relação entre o planejado e os aspectos físicos do meio, foi objetivado neste trabalho a análise das macrozonas definidas no plano diretor do município de Cascavel – Paraná, utilizando-se critérios de declividade, tipos de solo, uso e ocupação do solo e vulnerabilidade ambiental, sendo esta de acordo com a metodologia proposta por Santos et al. (2007). Além disso, procurou-se adicionar sugestões de planejamento estratégico municipal e outras relativas aos mapas do plano diretor. Foi possível constatar que, quanto ao tipo de solo e seu respectivo uso e quanto à declividade, o município apresenta adequada compatibilidade e assertividade no planejamento. Também foi percebido que grande parte do território possui declividade de até 20%, o que reforça o seu potencial agrícola e dá mais ênfase à sua relevância na produção de grãos. Por fim, observou-se também que há necessidades de mecanismos de operacionalização do plano diretor bem como algumas correções nos mapas deste para facilitar a compreensão e interação dos munícipes com os gestores municipais.
Abstract: The urban and rural development depends closely of planning and management rigorously grounded, among other things, in the potential of the soil and municipal vocation. Thus, to understand the relationship between the planned and the physical aspects of the environment was aimed in this paper the analysis of master plan’s macrozones of Cascavel - Parana, using criteria of slope, soil types, land use and environmental vulnerability. This last being in accordance with the methodology proposed by Santos et al. (2007). Furthermore, was possible to add suggestions about municipal strategic planning and other questions relating to the maps of the master plan. It was found that according to the soil type and its uses and to the slope, that the city exhibit adequate compatibility and assertiveness in planning. It was also noticed that much of the area has a slope of up to 20%, which reinforces its agricultural potential and gives more emphasis to its relevance in grain production. Finally, there are some needs in mechanisms to operationalize the master plan as well as some necessary changes in the maps of the master plan to facilitate understanding and interaction between citizens and the city managers.
URI: http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/3568
Aparece nas coleções:CM - Engenharia Ambiental

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CM_COEAM_2013_2_19.pdf4,08 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.